Exportar registro bibliográfico

Fatores estressores, de esgotamento profissional e satisfação no trabalho de enfermeiros atuantes na Atenção Primária à Saúde (2018)

  • Authors:
  • Autor USP: GARCIA, GRACIELLE PEREIRA AIRES - EERP
  • Unidade: EERP
  • Sigla do Departamento: ERG
  • Subjects: ESTRESSE PSICOLÓGICO; ESTRESSE PROFISSIONAL; SATISFAÇÃO NO TRABALHO; ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: evidências científicas indicam aumento de distúrbios psíquicos entre enfermeiros, sobretudo estresse e esgotamento profissional ou síndrome de Burnout. No entanto, poucas pesquisas têm investigado esse problema nos serviços na Atenção Primária à Saúde. Assim, estudar os processos envolvidos na constituição desses distúrbios torna-se relevante para a tomada de medidas que auxiliem na prevenção de adoecimento pelo trabalho e para a melhoria da qualidade de vida desses profissionais. Objetivo: avaliar os fatores estressores, de esgotamento profissional e de satisfação no trabalho de enfermeiros de Unidades Básica/Distrital de Saúde, enfermeiros de Unidades/Equipes de Saúde da Família e enfermeiros gestores/gerentes. Material e Métodos: pesquisa de campo, descritiva, de caráter exploratório, realizada nas unidades da Atenção Primária à Saúde do município de Ribeirão Preto - São Paulo. A coleta de dados foi realizada mediante aplicação de Questionário para Dados Sociodemográficos, Escala de Estresse no Trabalho (EET), Escala de Caracterização de Burnout (ECB) e Questionário de Satisfação no Trabalho (S20/23), no período de junho a agosto de 2017, após aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa (Protocolo CAAE 65353317.8.0000.5393/2017). Os dados das escalas psicométricas foram submetidos à análise de confiabilidade e a avaliação estatística foi dividida em grupos de enfermeiros gestores/supervisores e enfermeiros assistencialistas após realização do teste de normalidade. Resultados: 122 enfermeiros participaram do estudo sendo 58 (47,5%) enfermeiros gestores/supervisores e 64 (62,5%) enfermeiros assistencialistas, média de 45,2 anos, casados (59%) e com filhos (66,4%), há mais de 25 anos na profissão (42,6%), o tempo de trabalho nos serviços primários prevaleceu entre 5 a 9 anos (27,9%), carga horária de 40 horas semanais(64,8%), servidores públicos (86,1 %) e com qualificação profissional e títulos de especialistas a doutores. Destes 39 (32%) apresentaram nível de estresse considerável, quanto a exaustão emocional, desumanização e decepção no trabalho apresentou níveis de moderados a altos, enquanto satisfação com as relações hierárquicas e ao ambiente físico de trabalho, com média, respectivamente, de 3,4 e 3,5, apesar de serem satisfeitos intrinsecamente com o trabalho, média 3,8. Conclusão: há uma associação entre os problemas organizacionais e as condições laborais que dificulta o trabalho desse profissional, com perceptível sobrecarga, tempo insuficiente para atender às demandas, poucas oportunidades de evolução na carreira e insatisfação com normas e acordos legais na contratação de benefícios. Entretanto, é significante a satisfação intrínseca por gostar do que fazem. Identificou-se que, quando aumentam os níveis de estresse, exaustão emocional, desumanização e decepção no trabalho, consequentemente, diminui a satisfação do trabalhador
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.04.2018

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GARCIA, Gracielle Pereira Aires; MARZIALE, Maria Helena Palucci. Fatores estressores, de esgotamento profissional e satisfação no trabalho de enfermeiros atuantes na Atenção Primária à Saúde. 2018.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2018.
    • APA

      Garcia, G. P. A., & Marziale, M. H. P. (2018). Fatores estressores, de esgotamento profissional e satisfação no trabalho de enfermeiros atuantes na Atenção Primária à Saúde. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Garcia GPA, Marziale MHP. Fatores estressores, de esgotamento profissional e satisfação no trabalho de enfermeiros atuantes na Atenção Primária à Saúde. 2018 ;
    • Vancouver

      Garcia GPA, Marziale MHP. Fatores estressores, de esgotamento profissional e satisfação no trabalho de enfermeiros atuantes na Atenção Primária à Saúde. 2018 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021