Exportar registro bibliográfico

Ampliação da jornada escolar: mais aprendizagem de quê? (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: ZAPLETAL, PATRíCIA PEIXOTO - FE
  • Unidade: FE
  • Subjects: APRENDIZAGEM; GOVERNAMENTALIDADE
  • Keywords: Aprendizagem; Escola de tempo integral; Full time school; Governamentalidade; Governmentality; Learning; Mais Educação; Mais Educação; Michel Foucault; Michel Foucault
  • Language: Português
  • Abstract: A presente investigação parte da premissa trazida por autores inscritos no campo dos estudos foucaultianos em educação de que há um espraiamento de processos de pedagogização da vida na contemporaneidade. Tais processos referem-se a uma forma de gestão social que se apoia no discurso de um certo direito e dever de todos a uma aprendizagem ininterrupta, instigando um intenso autogovernamento dos cidadãos. A constatação desse modo de governo dos cidadãos na atualidade, por meio de uma ordem discursiva que os incita a aprender continuamente, suscitou uma das indagações centrais desta pesquisa: como as atuais propostas de ampliação da jornada das escolas públicas brasileiras podem estar servindo para acionar uma vida pedagogizada? Tendo em vista essa questão, este estudo tomou como alvo analítico uma recente e bastante difundida estratégia indutora de ampliação do tempo de permanência dos estudantes das escolas públicas brasileiras, seja nas escolas, seja em atividades escolares, promovida pelo governo federal de 2007 a 2016, o Programa Mais Educação, objetivando problematizar as forças e discursos neste Programa. A partir do aporte teórico de Michel Foucault, especialmente de um de seus operadores analíticos a governamentalidade , além de estudos sobre governamentalidade e educação ensejados por autores cujas análises são operadas a partir de um olhar construído numa clave foucaultiana, procurou-se entrar em contato com as formas de produção de verdade dos discursos presentesno Programa. A partir da perspectiva da governamentalidade, compreende-se que governar se refere a um continuum que se estende do governo político até as formas de autorregulação. Faz parte da estratégia neoliberal de governo o desenvolvimento de técnicas indiretas para controlar os indivíduos, tornando-os responsáveis pelos riscos sociais. Assim, por meio da análise dos documentos oficiais que materializam e regulamentam o Programa, de entrevistas com equipes técnicas responsáveis pela sua implantação, tanto no nível do município e do estado de São Paulo quanto no federal, e de situações vividas numa escola participante do Programa, este trabalho investigou como tal forma de governo está presente no Programa Mais Educação. A análise do material empírico possibilitou ampliar a percepção sobre os processos de governamentalização em operação na atualidade educacional e compreender aspectos do funcionamento do Programa Mais Educação que participam da configuração daquilo que na atualidade tem sido designado como sociedade da aprendizagem. Nota-se que a entrada do Mais Educação em muitas das escolas públicas brasileiras, além de ter provocado mudanças na temporalidade escolar, tem articulado ampliação da proteção de crianças socialmente vulneráveis à produção de uma subjetividade aprendiz. Pode-se considerar, ainda, que, por meio da presença de programas como este, as escolas vêm sendo convocadas a participar dos novos modos de gerenciamento do risco social, investindo naresponsabilização dos indivíduos por suas escolhas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.02.2017
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ZAPLETAL, Patrícia Peixoto; MACHADO, Adriana Marcondes. Ampliação da jornada escolar: mais aprendizagem de quê?. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-10042017-130444/ >.
    • APA

      Zapletal, P. P., & Machado, A. M. (2017). Ampliação da jornada escolar: mais aprendizagem de quê?. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-10042017-130444/
    • NLM

      Zapletal PP, Machado AM. Ampliação da jornada escolar: mais aprendizagem de quê? [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-10042017-130444/
    • Vancouver

      Zapletal PP, Machado AM. Ampliação da jornada escolar: mais aprendizagem de quê? [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-10042017-130444/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021