Exportar registro bibliográfico

Investigação da expressão galaica dos substratos do receptor de insulina (IRS) na leucemia linfoide aguda (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: ALVES, ANA PAULA NUNES RODRIGUES - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: LEUCEMIA; EXPRESSÃO GÊNICA; RECEPTORES DE INSULINA
  • Language: Português
  • Abstract: A leucemia linfoide aguda (LLA) é uma neoplasia de células linfoides imaturas que se divide em dois grandes grupos imunofenotípicos: LLA B e LLA T, cada qual com suas características clínicas, morfológicas, imunofenotípicas, citogenéticas e moleculares. A via de sinalização IGF1R/IRS está relacionada ao desenvolvimento e progressão de múltiplas neoplasias. Esta via de sinalização se inicia através da ligação do ligante (IGF1) ao seu receptor transmembrana (IGF1R) e subsequente ativação de seus substratos que incluem os substratos do receptor de insulina (IRS1 e IRS2). A via de sinalização IGF1R/IRS ativa a via PI3K/Akt/mTOR e MAPK/ERK e podem atuar como oncogenes e induzir transformação maligna. O objetivo deste trabalho é investigar e comparar a expressão gênica dos principais substratos do receptor de insulina (IRS1 e IRS2) e seus principais receptores (IGF1R, IR) em células hematopoéticas normais e de pacientes com LLA, e comparar a expressão gênica entre os diferentes subtipos de LLA (LLA B versus LLA T, LLA BCR-ABL negativo versus LLA BCR-ABL positivo). Selecionamos uma casuística de controles normais (n=7) e pacientes com diagnóstico de LLA (n=43) atendidos no HCFMPR-USP. A expressão gênica relativa de IGF1R e IRS2 foi significativamente menor nos pacientes com LLA quando comparada aos controles normais, enquanto que a expressão de M e IRS1 foi semelhante entre controles normais e pacientes com LLA. A expressão de IR e IRS2 foi significativamente maior em pacientes com LLA B se comparados aos pacientes LLA T, enquanto que a expressão de IGF1R e IRS1 foi semelhante entre esses dois grupos. Quando os pacientes foram estratificados em LLA BCR-ABL negativo e LLA BCR-ABL positivo, a expressão de IRS1 foi significativamente maior em pacientes LLA BCR-ABL negativo em comparação com os pacientes LLA BCR-ABL positivo, enquanto que a expressão de IGF1R, IR e IRS2 foi semelhante.A expressão de IGF1R apresentou correlação positiva com a expressão de IRS1 e IRS2 nas amostras de LLA, e a expressão de M apresentou correlação positiva com IRS2. Em conclusão, a expressão de IGF1R e IRS2 está significativamente reduzida em pacientes com LLA comparados aos controles normais; a expressão de M e IR52 está significativamente reduzida em LLA T comparada a LLA B; e a expressão de IRS1 está significativamente aumentada em LLA BCR-ABL negativo comparada a LLA BCR-ABL positivo. Os dados indicam que estes genes são modulados em LLA e em diferentes subtipos, entretanto, o significado biológico dessa modulação ainda permanece indefinido
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.08.2014

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALVES, Ana Paula Nunes Rodrigues; TRAINA, Fabíola. Investigação da expressão galaica dos substratos do receptor de insulina (IRS) na leucemia linfoide aguda. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014.
    • APA

      Alves, A. P. N. R., & Traina, F. (2014). Investigação da expressão galaica dos substratos do receptor de insulina (IRS) na leucemia linfoide aguda. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Alves APNR, Traina F. Investigação da expressão galaica dos substratos do receptor de insulina (IRS) na leucemia linfoide aguda. 2014 ;
    • Vancouver

      Alves APNR, Traina F. Investigação da expressão galaica dos substratos do receptor de insulina (IRS) na leucemia linfoide aguda. 2014 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021