Exportar registro bibliográfico

Mudanças e continuidades da cultura da escola no contexto de implantação do Ensino Fundamental de nove anos (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: BEZERRA, DELMA ROSA DOS SANTOS - FFCLRP
  • Unidade: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 594
  • Subjects: ENSINO FUNDAMENTAL; MUDANÇA; ESCOLA DE ENSINO FUNDAMENTAL (CULTURA)
  • Keywords: 9-years Primary School program; Change and continuity; School culture
  • Language: Português
  • Abstract: O presente estudo se desenvolveu a partir de uma problematização sobre o processo de mudança e continuidade da cultura da escola que envolve tanto uma discussão do entendimento de cultura quanto de instituição escolar. Os sistemas educacionais brasileiros e suas respectivas unidades escolares vivem um momento muito importante de mudança do Ensino Fundamental. Essa modificação decorre das determinações na Lei 11.274 de 2006, que fez aprovar a proposta de ampliação do Ensino Fundamental de oito para nove anos, com a inclusão das crianças de 6 anos de idade. Essa mudança legal afeta o cotidiano da escola à medida que impõe uma revisão dos objetivos do Ensino Fundamental e, consequentemente, da cultura nela estabelecida. É nesse contexto de transição que aconteceu a pesquisa que teve como objetivo investigar mudanças e continuidades da cultura da escola a partir da perspectiva dos professores. Aproximamo-nos de uma concepção de cultura que a define como sendo constituída por meio de significados estabelecidos e compartilhados socialmente que se materializam em práticas significantes. O estudo foi realizado numa escola de Ensino Fundamental que estava no segundo ano de implantação do Ensino Fundamental de nove anos. Constitui-se como instrumento de coleta de dados: (1) observações do cotidiano da instituição; (2) análise dos documentos Referencial Curricular Municipal e Projeto Político- Pedagógico (registradas em caderno de campo); (3) e, principalmente, entrevistas semiestruturadas. Foram realizadas 11 entrevistas, sendo 9 professores, 1 coordenadora e 1 diretora. As entrevistas foram gravadas em fita cassete, transcritas na íntegra e analisadas a partir dos pressupostos teóricos da RedSig, que se situa no contexto das pesquisas que estudam os processos de construção dos significados e sentidos. Os procedimentos da análise dos dados foram: (1) leituras paraidentificar e mapear a trajetória de formação e profissional de cada participante; (2) mapeamento dos sentidos e significados das mudanças e permanências vivenciadas no contexto de implementação do Ensino Fundamental de nove anos; (3) estabelecimento de eixos de análise. Usamos para o presente estudo a análise das entrevistas de 4 professoras. Observamos que havia na escola uma complexa relação entre mudança e permanência da cultura da escola, contudo, naquela ocasião, eram bem evidentes características da organização do ensino que já estavam presentes no Ensino Fundamental de oito anos. Por exemplo, no caso do currículo, pouca inovação havia sido incorporada em termos de documento e prática; em relação ao espaço físico, nenhum tipo de modificação foi constatada; a mesma situação foi observada em relação aos tempos e às rotinas da escola; sobre as práticas, identificamos alguns esforços individuais que prenunciavam algumas alterações, mas que tinham pouco impacto quando se considerava a escola como um todo. Esta situação se traduzia, à primeira vista, num estado de confusão, porque existiam percepções diferentes de um mesmo evento entre as professoras. Quando olhada mais de perto, esta confusão foi interpretada como característica de um momento de crise onde se assistia a jogos de mudança e permanência. Consideramos, a partir da perspectiva de desenvolvimento da RedSig, que a crise faz parte do processo de mudança. A discussão que se fez, a partir destes resultados, foi o quanto as políticas de inovação do ensino estão impregnadas e fundamentadas em uma concepção de ensino que reforça a cultura da escola que se pretende superar e o quanto estas políticas que pretendem promover mudanças estão desprovidas de uma visão sistêmica e relacional da cultura da escola, tão necessária para alterá-la
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.08.2011
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BEZERRA, Delma Rosa dos Santos; SILVA, Ana Paula Soares da. Mudanças e continuidades da cultura da escola no contexto de implantação do Ensino Fundamental de nove anos. 2011.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59137/tde-24102011-151029/ >.
    • APA

      Bezerra, D. R. dos S., & Silva, A. P. S. da. (2011). Mudanças e continuidades da cultura da escola no contexto de implantação do Ensino Fundamental de nove anos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59137/tde-24102011-151029/
    • NLM

      Bezerra DR dos S, Silva APS da. Mudanças e continuidades da cultura da escola no contexto de implantação do Ensino Fundamental de nove anos [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59137/tde-24102011-151029/
    • Vancouver

      Bezerra DR dos S, Silva APS da. Mudanças e continuidades da cultura da escola no contexto de implantação do Ensino Fundamental de nove anos [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/59/59137/tde-24102011-151029/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021