Exportar registro bibliográfico

Identificação e quantificação da trimetilamina e do N-óxido de trimetilamina urinários em paciente com queixa de "odor a peixe" por espectroscopia de ressonância magnética nuclear (2002)

  • Authors:
  • USP affiliated author: PODADERA, PRISCILLA - FCF
  • School: FCF
  • Sigla do Departamento: FBA
  • Subjects: DOENÇAS METABÓLICAS; BIOQUÍMICA ANALÍTICA; BIOQUÍMICA
  • Language: Português
  • Abstract: A trimetilaminúria é um distúrbio metabólico congênito, caracterizado pela excreção excessiva de trimetilamina (TMA), principalmente no suor, hálito e urina. Este trabalho visou padronizar uma metodologia analítica utilizando a espectroscopia de ressonância magnética nuclear de hidrogênio (1H-RMN) para a quantificação simultânea de TMA e de TMAO urinários. Foi estudada a excreção de TMA e de TMAO na urina de um paciente com suspeita de trimetilaminúria após a ingestão de diferentes dietas. A dieta à base de cação foi a única que resultou em aumento significativo na excreção destes metabólitos. Monitorou-se também a excreção urinária da TMA e do TMAO a cada 2 horas, durante o período de 24 horas, o que nos permitiu sugerir que os testes de sobrecarga, empregados no diagnóstico da trimetilaminúria, sejam realizados coletando-se a urina no período de 2 a 12 horas após a administração do bitartarato de colina. Outro ensaio realizado, com um voluntário sadio confirmou que a L-carnitina é precursora metabólica da TMA
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.03.2002

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PODADERA, Priscilla; LANFER MARQUEZ, Úrsula Maria. Identificação e quantificação da trimetilamina e do N-óxido de trimetilamina urinários em paciente com queixa de "odor a peixe" por espectroscopia de ressonância magnética nuclear. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.
    • APA

      Podadera, P., & Lanfer Marquez, Ú. M. (2002). Identificação e quantificação da trimetilamina e do N-óxido de trimetilamina urinários em paciente com queixa de "odor a peixe" por espectroscopia de ressonância magnética nuclear. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Podadera P, Lanfer Marquez ÚM. Identificação e quantificação da trimetilamina e do N-óxido de trimetilamina urinários em paciente com queixa de "odor a peixe" por espectroscopia de ressonância magnética nuclear. 2002 ;
    • Vancouver

      Podadera P, Lanfer Marquez ÚM. Identificação e quantificação da trimetilamina e do N-óxido de trimetilamina urinários em paciente com queixa de "odor a peixe" por espectroscopia de ressonância magnética nuclear. 2002 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020