Exportar registro bibliográfico

Avaliação in vitro da microinfiltração marginal em restaurações Classe II, confeccionadas com umcimento de ionômero de vidro modificado por resina, uma resina composta "semicondensável" e uma resina composta "condensável" (2000)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: BIJELLA, MARIA FERNANDA BORRO - FOB
  • Unidades: FOB
  • Sigla do Departamento: BAO
  • Subjects: ODONTOPEDIATRIA; MATERIAIS DENTÁRIOS; MICROINFILTRAÇÃO MARGINAL; CIMENTOS DE IONÔMEROS DE VIDRO; RESINAS COMPOSTAS CONDENSÁVEIS
  • Language: Português
  • Abstract: Avaliou-se in vitro a microinfiltração marginal em restaurações classe II, realizadas com o cimento de ionômero de vidro modificado por resina Vitremer, a resina composta "semicondensável" Ariston pHc e a resina composta "condensável" P-60, com opropósito de verificar a influência da ciclagem térmica para estes materiais, como também dois métodos de análise da penetração do corante. Para tanto, 60 pré-molares, receberam cavidades classe II proximais, com a parede cervical localizada1mmabaixo da junção cemento-esmalte. Os espécimes foram divididos em 3 grupos de 20 dentes cada. O grupo I foi restaurado com Vitremer, o grupo II com Ariston pHc e o grupo III com P-60. Após a restauração, os espécimes foram acondicionadosemrecipientes plásticos com água deionizada por 24 horas a 37°C. Decorrido esse período as restaurações receberam acabamento e polimento. Enquanto metade de cada grupo sofreu processo de termociclagem com 500 ciclos nas temperaturas de 5°C e55°C,em banhos de 15 segundos cada, a outra metade permaneceu acondicionada em recipientes plásticos com água deionizada a 37°C. Após o período de teste, todos os espécimes foram imersos em solução de fucsina básica a 0,5% por 24 horas a 37°C,sendoem seguida lavados abundantemente em água corrente durante 24 horas. Para análise da microinfiltração os dentes foram incluídos em resina plástica autopolimerizável e seccionados no sentido mesio-distal, sofrendo uma média de quatrocortescadadente. Para cada corte, foram obtidas duas imagens para serem analisadas através de um software denominado Imagetools. Os resultados foram avaliados através do teste estatístico de Análise de Variância a dois critérios (2-way ANOVA) e oteste deTukey para comparações múltiplas entre os materiais, em nível de significância de 5%. Os resultados demonstraram que todos os grupos testados apresentaram microinfiltração marginal, sendo que o cimento de ionômero de vidro ) modificado por resina Vitremer apresentou resultados sempre melhores, vindo a seguir a resina composta "condensável" P-60 e por último a resina composta "semicondensável" Ariston pHc. Não houve diferença estatisticamentesignificante no uso ou não da termociclagem para estes materiais. Quando avaliou-se os métodos de análise de penetração do corante, o método através da máxima infiltração parece ser o melhor para detectar a extensão da microinfiltração
  • Imprenta:
    • Place of publication: Bauru
    • Date published: 2000
  • Data da defesa: 25.08.2000

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BIJELLA, Maria Fernanda Borro; BIJELLA, Maria Francisca Thereza Borro. Avaliação in vitro da microinfiltração marginal em restaurações Classe II, confeccionadas com umcimento de ionômero de vidro modificado por resina, uma resina composta "semicondensável" e uma resina composta "condensável". 2000.Universidade de São Paulo, Bauru, 2000. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25133/tde-11012001-163239/ >.
    • APA

      Bijella, M. F. B., & Bijella, M. F. T. B. (2000). Avaliação in vitro da microinfiltração marginal em restaurações Classe II, confeccionadas com umcimento de ionômero de vidro modificado por resina, uma resina composta "semicondensável" e uma resina composta "condensável". Universidade de São Paulo, Bauru. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25133/tde-11012001-163239/
    • NLM

      Bijella MFB, Bijella MFTB. Avaliação in vitro da microinfiltração marginal em restaurações Classe II, confeccionadas com umcimento de ionômero de vidro modificado por resina, uma resina composta "semicondensável" e uma resina composta "condensável" [Internet]. 2000 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25133/tde-11012001-163239/
    • Vancouver

      Bijella MFB, Bijella MFTB. Avaliação in vitro da microinfiltração marginal em restaurações Classe II, confeccionadas com umcimento de ionômero de vidro modificado por resina, uma resina composta "semicondensável" e uma resina composta "condensável" [Internet]. 2000 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25133/tde-11012001-163239/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020