Exportar registro bibliográfico

Perfil etiológico da mastite clínica, e uso de antimicrobianos em rebanhos leiteiros (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: SANTOS, MARCOS VEIGA DOS - FMVZ
  • Unidade: FMVZ
  • Subjects: BOVINOS LEITEIROS; MASTITE ANIMAL; ANTIBIÓTICOS; ETIOLOGIA ANIMAL
  • Language: Português
  • Abstract: Índices associados à frequência de mastite clínica (MC), como a taxa de incidência, recorrência dos casos, distribuição dos escores de gravidade, agentes etiológicos mais prevalentes e a associação desses índices com fatores em nível do rebanho são carentes na literatura. Além disso, não foram encontrados dados relacionados à caracterização do consumo de antimicrobianos para tratamento da MC em rebanhos brasileiros. Considerando a carência de informação sobre a MC em rebanhos do Brasil, um estudo foi realizado pela equipe Qualileite/FMVZ-USP com o objetivo de caracterizar o perfil etiológico e fármaco-epidemiológico desta doença em rebanhos leiteiros localizados nos estados de São Paulo e Minas Gerais. Um total de 20 rebanhos foram monitorados quanto à ocorrência de MC e consumo de antimicrobianos de março de 2014 a janeiro de 2016. Durante este período, um total de 5.957 casos de MC em nível de quarto mamário foi registrado e os patógenos mais prevalentes foram Escherichia coli (6,6% de todas as culturas), Streptococcus uberis (6,1%), e Streptococcus agalactiae (5,9%). A maioria dos casos de MC foi de gravidade leve (60,3%), enquanto 34,1% dos casos foram moderados e 5,6% foram graves.A taxa de incidência de MC (TIMC) geral foi de 9,7 casos por 10.000 quartos-dia em risco (QDR), e o único parâmetro em nível de rebanho associado com a TIMC geral (independente do patógeno causador) foi a contagem de células somáticas do leite de tanque (CCSLT), em que a maior frequência de MC foi observada em rebanhos com CCSLT >600.000 × 103 células/mL. Na avaliação dos grupos específicos de patógenos, a TIMC de patógenos contagiosos foi associada com a CCSLT, produção de leite e sistema de alojamento. Na avaliação de patógenos Gram-positivos, a TIMC foi maior na estação chuvosa de 2015 em comparação com as outras categorias referentes à estação do ano. Adicionalmente, a TIMC causada por patógenos Gram-negativos foi mais alta em rebanhos com contagem bacteriana total do leite de tanque (CBTLT) >30.000 × 103 ufc/mL. O consumo de antimicrobianos para tratamento da MC nos 20 rebanhos avaliados no estudo foi quantificado mensalmente em unidades de doses definidas diárias (DDD) e expressa como incidência de tratamento antimicrobiano (ITA: número de DDD por 1.000 vacas em lactação-dia). A média de ITA mensal foi de 17,7 DDD por 1.000 vacas em lactação-dia (15,4 para compostos intramamários, e 2,2 para compostos sistêmicos). Dentre os produtos intramamários, os aminoglicosídeos tiveram a ITA mais alta (11,7 DDD por 1.000 vacas em lactação-dia), enquanto que para os compostos administrados pela via sistêmica, produtos compostos de fluoroquinolonas (4,2 DDD por 1.000 vacas em lactação-dia) foram os antimicrobianos mais frequentemente usados.O tamanho do rebanho e a CCSLT foram positivamente associados com a ITA. Além disso, a ITA foi mais alta em rebanhos com sistema do tipo freestall do que em rebanhos com sistema tipo compost barn. Em conclusão, uma maior frequência de MC, bem como de uso de antimicrobianos foi observada neste estudo em comparação com pesquisas realizadas em outros países. Os resultados deste estudo demonstraram a necessidade de implementação de estratégias de manejo visando a prevenção da ocorrência de MC, bem como, em relação ao desenvolvimento de programas de uso racional de antimicrobianos para tratamento desta doença em rebanhos leiteiros do sudeste do Brasil.
  • Imprenta:
  • Source:
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TOMAZI, Tiago; ALVES, Bruna Gomes; GONÇALVES, Juliano Leonel; SANTOS, Marcos Veiga dos. Perfil etiológico da mastite clínica, e uso de antimicrobianos em rebanhos leiteiros. In: Novos desafios da pesquisa em nutrição e produção animal[S.l: s.n.], 2017.Disponível em: .
    • APA

      Tomazi, T., Alves, B. G., Gonçalves, J. L., & Santos, M. V. dos. (2017). Perfil etiológico da mastite clínica, e uso de antimicrobianos em rebanhos leiteiros. In Novos desafios da pesquisa em nutrição e produção animal. Pirassununga: Editora 5D. Recuperado de http://posvnp.org/novo/wp-content/uploads/2017/12/xi-simposio-vnp-pos-graduacao.pdf
    • NLM

      Tomazi T, Alves BG, Gonçalves JL, Santos MV dos. Perfil etiológico da mastite clínica, e uso de antimicrobianos em rebanhos leiteiros [Internet]. In: Novos desafios da pesquisa em nutrição e produção animal. Pirassununga: Editora 5D; 2017. Available from: http://posvnp.org/novo/wp-content/uploads/2017/12/xi-simposio-vnp-pos-graduacao.pdf
    • Vancouver

      Tomazi T, Alves BG, Gonçalves JL, Santos MV dos. Perfil etiológico da mastite clínica, e uso de antimicrobianos em rebanhos leiteiros [Internet]. In: Novos desafios da pesquisa em nutrição e produção animal. Pirassununga: Editora 5D; 2017. Available from: http://posvnp.org/novo/wp-content/uploads/2017/12/xi-simposio-vnp-pos-graduacao.pdf


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020