Exportar registro bibliográfico

Qualidade de vida na perspectiva de sobreviventes do câncer urológico: estudo qualitativo (2018)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: NERIS, RHYQUELLE RHIBNA - EERP
  • Unidades: EERP
  • Sigla do Departamento: ERG
  • Subjects: QUALIDADE DE VIDA; NEOPLASIAS UROLÓGICAS; ANTROPOLOGIA MÉDICA; PESQUISA QUALITATIVA
  • Language: Português
  • Abstract: O diagnóstico do câncer urológico causa profundas consequências na vida dos pacientes. Ainda que sejam considerados tumores com boas respostas terapêuticas, tal diagnóstico não é isento de sofrimento e interfere na qualidade de vida. O objetivo deste estudo foi analisar os sentidos atribuídos à QV por sobreviventes do câncer urológico. Para subsidiar essa compreensão, foram utilizados o referencial teórico da antropologia médica e a metodologia narrativa. Participaram do estudo 12 participantes com diagnóstico de câncer urológico sob seguimento terapêutico em um hospital público no interior de São Paulo. A coleta de dados ocorreu de novembro de 2016 a novembro de 2017, por meio de entrevistas semiestruturas gravadas e observação direta, realizadas nos domicílios dos participantes e nas dependências da instituição de saúde. Com base nas entrevistas, foram construídas as narrativas, segundo o modelo centrado na experiência, utilizando os modelos explicativos empregados pelos participantes. A análise dos dados narrativos fundamentou-se na análise temática indutiva, e esses foram integrados em três sínteses narrativas temáticas, que correspondem às unidades de sentido. A primeira, O itinerário do câncer urológico: descobrindo-se como sobrevivente, destacou o processo de busca para identificação da anormalidade no corpo. A reação ao diagnóstico foi de surpresa e medo diante uma doença culturalmente associada à morte. Porém, de acordo com o modelo cultural dos participantesdiante de uma doença grave, faziase necessário aderir aos tratamentos médicos propostos, ainda que causassem sofrimento. A segunda síntese narrativa, O que eu era e o que sou hoje: as limitações no corpo e na vida, descreveu as complicações causadas pela tentativa de eliminar o câncer por meio dos diversos protocolos terapêuticos, o que ocasionou sofrimento do corpo físico, social, tristeza e baixa autoestima. Assim, essa síntese apresentou como sentido a liminaridade, pois, após o adoecimento, os sobreviventes assumiram outra identidade, que implicou viver com um novo conceito de normalidade de vida. Na terceira síntese, Qualidade de vida: sobreviver com harmonia, diante do processo de liminaridade vivenciado pelos sobreviventes e com base nas reações culturais aprendidas e compartilhadas pela comunidade onde estavam inseridos, eles buscaram harmonia para continuarem a viver e viver com QV. O sentido revelado por esta síntese foi sobreviver em harmonia com o corpo e suas limitações, assim como na esfera social e familiar, ter esperança e espiritualidade. Esta investigação permitiu analisar os sentidos atribuídos à QV por sobreviventes do câncer urológico e evidenciou como a cultura exerce influência na experiência da QV durante a sobrevivência a este tipo de câncer
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.07.2018
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NERIS, Rhyquelle Rhibna; ZAGO, Marcia Maria Fontao. Qualidade de vida na perspectiva de sobreviventes do câncer urológico: estudo qualitativo. 2018.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-06112018-152822/ >.
    • APA

      Neris, R. R., & Zago, M. M. F. (2018). Qualidade de vida na perspectiva de sobreviventes do câncer urológico: estudo qualitativo. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-06112018-152822/
    • NLM

      Neris RR, Zago MMF. Qualidade de vida na perspectiva de sobreviventes do câncer urológico: estudo qualitativo [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-06112018-152822/
    • Vancouver

      Neris RR, Zago MMF. Qualidade de vida na perspectiva de sobreviventes do câncer urológico: estudo qualitativo [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22132/tde-06112018-152822/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020