Exportar registro bibliográfico

Percepções de estudantes e professores de terapia ocupacional sobre os atributos que caracterizam um bom modelo profissional (2018)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVA, LUCIANA COSTA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: TERAPIA OCUPACIONAL; CLÍNICA GERAL; COMPETÊNCIA PROFISSIONAL
  • Keywords: Occupational therapy; Vocational training (undergraduate training); Professional values; Professionalism; Role models; Terapia Ocupacional; Formação profissional; Profissionalismo; Valores profissionais; Role models
  • Language: Português
  • Abstract: Os estudantes desenvolvem suas atividades em diferentes ambientes educacionais, internalizando modelos de atuação profissional e espelhando-se nas experiências profissionais de seus professores e profissionais não docentes. Este estudo teve como objetivos identificar a percepção de estudantes de Terapia Ocupacional sobre os atributos mais importantes em bons modelos de profissional e identificar a percepção de terapeutas ocupacionais docentes e não docentes apontados pelos estudantes como bons modelos sobre os atributos que consideram como representativos desta sua característica. Foram abordados 116 estudantes da FMRP-USP e 102 da UFSCar, através de questionário estruturado e grupos focais; 12 profissionais docentes e não docentes da FMRP-USP e 10 da UFSCar, através de entrevista individual semi-estruturada. Os dados foram analisados quantitativamente (por meio de estatística descritiva) e qualitativamente (através de análise de conteúdo). Os estudantes identificaram como atributos importantes de um bom modelo de profissional: ter um bom relacionamento com o aluno, com o paciente e com a equipe de trabalho; demonstrar empatia; possuir didática; ser organizado e demonstrar comprometimento com o seu crescimento pessoal e profissional. Os profissionais docentes e não docentes referiram que foram indicados como bons modelos por demonstrarem empatia; apresentarem bom relacionamento interpessoal (com o estudante e com o paciente) e mostrar relação teórico-prática. Pode-seconcluir que os atributos de um bom modelo para estudantes, não diferem da percepção de docentes/profissionais sobre suas próprias habilidades positivas. Os dados obtidos neste estudo sobre os atributos de um bom modelo na formação do terapeuta ocupacional poderão ser aplicados em programas nacionais de capacitação e desenvolvimento docente
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.06.2018
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Luciana Costa; TRONCON, Luiz Ernesto de Almeida. Percepções de estudantes e professores de terapia ocupacional sobre os atributos que caracterizam um bom modelo profissional. 2018.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17138/tde-19072018-094622/ >.
    • APA

      Silva, L. C., & Troncon, L. E. de A. (2018). Percepções de estudantes e professores de terapia ocupacional sobre os atributos que caracterizam um bom modelo profissional. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17138/tde-19072018-094622/
    • NLM

      Silva LC, Troncon LE de A. Percepções de estudantes e professores de terapia ocupacional sobre os atributos que caracterizam um bom modelo profissional [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17138/tde-19072018-094622/
    • Vancouver

      Silva LC, Troncon LE de A. Percepções de estudantes e professores de terapia ocupacional sobre os atributos que caracterizam um bom modelo profissional [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17138/tde-19072018-094622/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021