Exportar registro bibliográfico

Ozone technology as an alternative for reducing mycotoxin contamination in wheat products (2018)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: ALEXANDRE, ALLANA PATRíCIA SANTOS - ESALQ
  • Unidades: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LAN
  • Subjects: CONTAMINAÇÃO DE ALIMENTOS; MICOTOXINAS; OZÔNIO; REOLOGIA; TRIGO
  • Language: Inglês
  • Abstract: O objetivo deste estudo foi avaliar a redução nos níveis de micotoxinas em produtos e subprodutos de trigo: desoxinivalenol (DON) em farinha de trigo integral, farelo de trigo e efluente de moagem da farinha de trigo e zearalenona (ZEA) em farelo de trigo. No primeiro momento, a redução da contaminação por DON foi estudada em farinha de trigo integral, naturalmente contaminada e considerando diferentes níveis de umidade, bem como no efluente de moagem úmida da farinha. Além disso, o impacto do processo de ozonização nas propriedades reológicas da farinha processada foi avaliado. Em segundo lugar, estudou-se o farelo de trigo naturalmente co-contaminado com DON e ZEA, considerando a degradação de ambas as micotoxinas e o impacto do processo de ozonização no conteúdo do composto fenólico do farelo e na capacidade antioxidante. A degradação de DON na farinha de trigo integral aumentou tanto com o tempo de processamento quanto com o teor de umidade. Ao alterar esses parâmetros de processo, foi possível obter produtos de acordo com os limites legais do Brasil e da União Européia, mesmo com a concentração 2-4 vezes superior aos limites legais. Contudo, as propriedades reológicas da farinha de trigo integral foram afetadas pelo processo, provavelmente devido a modificações de proteínas. A concentração de DON no efluente de moagem úmida foi linearmente reduzida pela ozonização. Em farelo de trigo naturalmente contaminado e em sua umidade de equilíbrio, a ozonização reduziu acontaminação DON e ZEA. A degradação do ZEA foi maior e mais rápida que a degradação do DON, o que poderia ser explicado pelas suas estruturas moleculares. Observou-se também que o processo de ozonização não afetou negativamente os compostos fenólicos e a capacidade antioxidante, o que é altamente desejável do ponto de vista nutricional. Consequentemente, este trabalho conclui que o processo de ozonização foi efetivo na redução de DON e ZEA em diferentes produtos de trigo e efluentes. Vale ressaltar que os resultados obtidos são promissores para futuros estudos e elucidar o mecanismo de ação do ozônio sobre micotoxinas e constituintes dos alimentos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.02.2018

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALEXANDRE, Allana Patrícia Santos; AUGUSTO, Pedro Esteves Duarte. Ozone technology as an alternative for reducing mycotoxin contamination in wheat products. 2018.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11141/tde-15052018-132453/ >.
    • APA

      Alexandre, A. P. S., & Augusto, P. E. D. (2018). Ozone technology as an alternative for reducing mycotoxin contamination in wheat products. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11141/tde-15052018-132453/
    • NLM

      Alexandre APS, Augusto PED. Ozone technology as an alternative for reducing mycotoxin contamination in wheat products [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11141/tde-15052018-132453/
    • Vancouver

      Alexandre APS, Augusto PED. Ozone technology as an alternative for reducing mycotoxin contamination in wheat products [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11141/tde-15052018-132453/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020