Exportar registro bibliográfico

Efeito da terapia de longa duração com ácido zoledrônico no osso esponjoso da mandíbula e fêmur de ratos Wistar (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: SOARES, MARIANA QUIRINO SILVEIRA - FOB
  • Unidade: FOB
  • Sigla do Departamento: BAE
  • Subjects: HISTOLOGIA; MICROTOMOGRAFIA; OSSO E OSSOS; OSTEONECROSE
  • Language: Português
  • Abstract: Os bisfosfonatos (BF) são amplamente utilizados no tratamento de doenças osteolíticas como metástases ósseas e osteoporose. A osteonecrose dos maxilares associada ao uso de BF (OMAB) é caracterizada pela presença de osso exposto ou que pode ser sondado através de uma fístula que persiste por mais de oito semanas em pacientes com história de terapia de BF e sem história de radioterapia na região de cabeça e pescoço e/ou sem doença metastática nos maxilares. A incidência de OMAB aumenta com a potência, duração do tratamento e dose de BF recebida. Até o presente momento, a fisiopatologia da OMAB não está clara, dificultando a prevenção e o tratamento. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito da administração de altas doses Ácido Zoledrônico (AZ) por período prolongado no osso esponjoso da mandíbula e da metáfise proximal do fêmur de ratos Wistar. Para relacionar as descobertas à fisiopatologia da OMAB, o regime de administração de BF de um modelo animal relevante desta lesão foi reproduzido. Seis animais receberam AZ (0,6 mg / kg) e seis receberam solução salina no mesmo volume (Controles). Os compostos foram administrados por via intraperitoneal em cinco doses a cada 28 dias. A eutanásia dos animais ocorreu após 150 dias de início da terapia. As hemimandíbulas e fêmures direitos foram escaneados usando Micro-tomografia computadorizada (Micro-CT) de alta resolução (14 m). Para a primeira análise realizada neste estudo, os dados morfométricos do osso esponjoso foram calculados na região do segundo e primeiro molar na mandíbula e na metáfise do fêmur usando CTAnalyzer (Bruker, Bélgica). Para a segunda análise, cinco amostras de hemimandíbulas de cada grupo foram cortadas em lâminas histológicas (5 m) e coradas com Hematoxilina e Eosina.Para comparar os parâmetros morfométricos na Micro-CT e histologia, as imagens de Micro-CT foram espacialmente alinhadas à histologia. Os dados morfométricos do osso alveolar foram calculados usando o software CTAnalyzer (Bruker, Bélgica) na região entre as raízes mesial e distal do primeiro molar. A densidade da área vascular (área vascular/área total; VA/TA) e os dados histomorfométricos ósseos foram estimados usando Axiovision na mesma região (entre as raízes mesial e distal do primeiro molar). Foi adotada significância estatística de 5% ( = 0,05). Os animais tratados com AZ apresentaram aumento significativo na porcentagem de volume ósseo (p <0,05) com trabéculas mais espessas, osso mais compacto com menor separação trabecular na mandíbula e no fêmur. Na mandíbula, o aumento da densidade óssea e diminuição da separação trabecular foram fortemente correlacionados com a diminuição da área vascular observada no grupo AZ (p <0,05). Em conclusão, o tratamento de longa duração com altas doses de AZ foi significativamente associado ao aumento na densidade óssea e à diminuição dos espaços medulares, canais nutritivos e vasculatura do osso alveolar. A análise com Micro-CT revelou alterações semelhantes na estrutura óssea tanto na mandíbula quanto no fêmur do grupo AZ.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.10.2017
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SOARES, Mariana Quirino Silveira; RUBIRA-BULLEN, Izabel Regina Fischer. Efeito da terapia de longa duração com ácido zoledrônico no osso esponjoso da mandíbula e fêmur de ratos Wistar. 2017.Universidade de São Paulo, Bauru, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25149/tde-23042018-215507/publico/MarianaQuirinoSilveiraSoares_Rev.pdf >.
    • APA

      Soares, M. Q. S., & Rubira-Bullen, I. R. F. (2017). Efeito da terapia de longa duração com ácido zoledrônico no osso esponjoso da mandíbula e fêmur de ratos Wistar. Universidade de São Paulo, Bauru. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25149/tde-23042018-215507/publico/MarianaQuirinoSilveiraSoares_Rev.pdf
    • NLM

      Soares MQS, Rubira-Bullen IRF. Efeito da terapia de longa duração com ácido zoledrônico no osso esponjoso da mandíbula e fêmur de ratos Wistar [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25149/tde-23042018-215507/publico/MarianaQuirinoSilveiraSoares_Rev.pdf
    • Vancouver

      Soares MQS, Rubira-Bullen IRF. Efeito da terapia de longa duração com ácido zoledrônico no osso esponjoso da mandíbula e fêmur de ratos Wistar [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25149/tde-23042018-215507/publico/MarianaQuirinoSilveiraSoares_Rev.pdf


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020