Exportar registro bibliográfico

Aconselhamento nutricional na atenção básica: conhecimentos e práticas de profissionais, estado nutricional e alimentação da criança antes e após capacitação (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: PALOMBO, CLAUDIA NERY TEIXEIRA - EE
  • Unidade: EE
  • Sigla do Departamento: ENS
  • Subjects: QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL; NUTRIÇÃO DA CRIANÇA; ESTADO NUTRICIONAL; SAÚDE DA CRIANÇA; ENFERMAGEM EM SAÚDE PÚBLICA; ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE
  • Keywords: Child Health; Child Nutrition; Nutritional Status; Primary Health Care; Professional Training; Public Health Nursing
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: O aconselhamento nutricional contribui para a formação de hábitos alimentares saudáveis e promoção do crescimento infantil. No entanto, apesar de investimentos governamentais, diversos estudos mostram problemas para concretização dessa prática, entre os quais se destacam o escasso conhecimento e despreparo dos profissionais de saúde para lidar com aspectos da alimentação das crianças e dificuldades para realizar o acompanhamento do crescimento. Objetivo geral: Implementar uma capacitação em aconselhamento nutricional e avaliar conhecimentos e práticas de profissionais de saúde da atenção básica quanto ao acompanhamento do crescimento e desenvolvimento infantil, o estado nutricional e as práticas de alimentação das crianças, antes e após a capacitação. Objetivos específicos: Avaliar o uso e o preenchimento da Caderneta de Saúde da Criança (CSC), especialmente crescimento e desenvolvimento; Implementar capacitação em aconselhamento nutricional, com avaliação do conhecimento dos profissionais antes e após e sua aplicabilidade na atenção à saúde da criança; Conhecer as dificuldades para realizar aconselhamento nutricional e acompanhamento do crescimento infantil, na perspectiva de profissionais de saúde; Avaliar práticas de alimentação, estado nutricional e acompanhamento do crescimento infantil pelos profissionais de saúde, antes e após a capacitação em aconselhamento nutricional. Método: Estudo de intervenção do tipo antes-depois, quanti-qualitativo, descritivo-analítico, conduzido em três fases no município de Itupeva, São Paulo.Incluiu amostra representativa de crianças <3 anos cadastradas nas unidades básicas de saúde com suas respectivas mães e profissionais de saúde. Na 1ª fase (antes), verificou-se o uso e o preenchimento das CSC; avaliaram-se as práticas alimentares das crianças e as práticas profissionais por meio de entrevistas com as mães, e o estado nutricional foi avaliado por antropometria e dosagem de hemoglobina sanguínea. Na 2ª fase (intervenção) implementou-se uma capacitação em aconselhamento nutricional que envolveu 53 profissionais de saúde vinculados à atenção básica do município. Os conhecimentos e as práticas dos participantes foram avaliados por testes aplicados antes e depois da capacitação e por meio de grupo focal. Na 3ª fase (depois), os mesmos procedimentos da 1ª fase (antes) foram adotados. O projeto foi aprovado por Comitê de Ética em Pesquisa da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo e todos os participantes assinaram Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. Os dados foram digitados no software Epi-Info 3.5.2 em dupla entrada. As variáveis categóricas foram analisadas por meio de frequência absoluta e relativa, teste do Qui-quadrado de Pearson e Exato de Fisher, com uso do software Stata 13.1. O nível de significância foi de 5%. Os dados qualitativos foram transcritos e submetidos à análise de conteúdo. Resultados: Foram descritos em quatro manuscritos que contemplaram os objetivos específicos. Manuscrito 1: Avaliou uso e preenchimento da CSC com dados da 1ª fase (antes). Apenas 53% das mães portavam a CSC no momento da entrevista, proporção similar à de mães que referiram orientação para levar a CSC aos atendimentos de saúde. Anotações na CSC durante os atendimentos foram referidos por 49%.Esquema vacinal estava completo em 97% das CSC, mas apenas 9% e 8% tinham, respectivamente, gráficos de crescimento e desenvolvimento adequadamente preenchidos. Manuscrito 2: Implementou e avaliou a aplicabilidade da capacitação em aconselhamento nutricional e conhecimento dos profissionais antes e após a capacitação. Quatro oficinas com carga horária mínima de 16 horas cada foram desenvolvidas para implementação da capacitação. Participaram 11 enfermeiras, 14 auxiliares/técnicos de enfermagem e 28 agentes comunitários de saúde. Antes da capacitação 55,8% dos profissionais relataram usar muito o aconselhamento nutricional na rotina dos serviços, mas apenas 4% tinham conhecimento satisfatório. Após a capacitação, o conhecimento satisfatório teve incremento de 70%. Foram apontadas potencialidades da capacitação para melhoria dos conhecimentos, mas dificuldades em sua aplicabilidade decorrentes de problemas de infraestrutura dos serviços. Manuscrito 3: Descreveu as dificuldades para realizar aconselhamento nutricional e acompanhamento do crescimento infantil na perspectiva dos profissionais. As principais dificuldades para o aconselhamento nutricional referiram-se às suas crenças e experiências pessoais quanto à alimentação infantil. Para o acompanhamento do crescimento, destacaram-se os problemas de infraestrutura e funcionamento dos serviços de saúde, além da manutenção do modelo médico hegemônico. Manuscrito 4: Avaliou práticas de alimentação, estado nutricional e acompanhamento do crescimento infantil pelos profissionais de saúde antes e após capacitação em aconselhamento nutricional.Depois da capacitação, constatou-se incremento da prática do aleitamento materno e redução do consumo de alimentos ultraprocessados entre as crianças de 15-23 meses (p<0,05). Não houve mudanças no estado nutricional e diminuiu a proporção de gráficos de crescimento adequadamente preenchidos e de mães que receberam orientações sobre a alimentação e crescimento infantil. Considerações finais: Evidenciou-se que capacitações em serviço podem ser medidas simples e facilmente exequíveis para ampliar os conhecimentos dos profissionais e melhorar a assistência à saúde da criança. No entanto, as dificuldades identificadas para sua aplicabilidade podem minimizar todo o investimento realizado e impedir que os efeitos desejados sejam obtidos. Destaca-se a necessidade do efetivo envolvimento dos gestores e investimentos na infraestrutura dos serviços, incorporação do aconselhamento nutricional na educação permanente em saúde, bem como maior ênfase dessa temática nos processos formais de ensino à saúde. Por fim, espera-se que os resultados aqui apresentados possam sensibilizar gestores e profissionais para a revisão de suas práticas e contribuir para a formulação de intervenções efetivas, para que o cuidado com a saúde da criança deixe de ser uma preocupação para se tornar, de fato, uma prática.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.12.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PALOMBO, Claudia Nery Teixeira; FUJIMORI, Elizabeth. Aconselhamento nutricional na atenção básica: conhecimentos e práticas de profissionais, estado nutricional e alimentação da criança antes e após capacitação. 2016.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-15092017-174209/ >.
    • APA

      Palombo, C. N. T., & Fujimori, E. (2016). Aconselhamento nutricional na atenção básica: conhecimentos e práticas de profissionais, estado nutricional e alimentação da criança antes e após capacitação. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-15092017-174209/
    • NLM

      Palombo CNT, Fujimori E. Aconselhamento nutricional na atenção básica: conhecimentos e práticas de profissionais, estado nutricional e alimentação da criança antes e após capacitação [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-15092017-174209/
    • Vancouver

      Palombo CNT, Fujimori E. Aconselhamento nutricional na atenção básica: conhecimentos e práticas de profissionais, estado nutricional e alimentação da criança antes e após capacitação [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7141/tde-15092017-174209/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021