Exportar registro bibliográfico

Avaliação de uma abordagem baseada em nanotecnologia para indução da expressão gênica CD163/ED2 em macrófagos: potencial terapêutico para o processo de cicatrização de ferida e dor crônica pós-operatória (2017)

  • Authors:
  • Autor USP: FERREIRA, DAVID WILSON - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFA
  • Subjects: TRANSFECÇÃO; NANOPARTÍCULAS; INFLAMAÇÃO; MACRÓFAGOS; CICATRIZAÇÃO; DOR
  • Language: Português
  • Abstract: A incidência de dor crônica pós-operatória (CPSP), após cirurgias de grande porte varia entre 20-50%. Além disso, interações neuro-imunes periféricas desempenham um papel importante no desenvolvimento da dor e no processo de cicatrização de feridas após cirurgias. No presente estudo, hipotetizamos que a superexpressão gênica do receptor CD163 em macrófagos humanos, o qual promove um fenótipo celular M2, resultaria em um processo de cicatrização de feridas mais eficiente e, além disso, que a superexpressão de ED2 em macrófagos infiltrados preveniria o desenvolvimento de comportamentos relacionados à dor persistente pós-operatória em ratos. Anteriormente, havíamos demonstrado que a indução de CD163 em macrófagos promove, com sucesso, um fenótipo anti-inflamatório (M2). No primeiro conjunto de experimentos in vitro, confirmamos a superexpressão de CD14, CD68 (mRNA), GFP e CD163 (mRNA e proteína), utilizando a nanopartícula mPEI para transfecção de macrófagos humanos. Utilizando um ensaio in vitro de cicatrização, observamos que macrófagos THP-1 superexpressando CD163 promovem um processo de cicatrização de feridas mais rápido e eficiente por meio da interação com fibroblastos. A adição de um anticorpo bloqueador de CD163, mas não seu controle isotipo, bloqueou o processo de cicatrização de feridas eficiente induzido por macrófagos THP-1 superexpressando CD163. Além disso, macrófagos primários humano superexpressando CD163 também promoveram um processo de cicatrização de feridas mais rápido quando comparado aos macrófagos transfectados com o vetar vazio (pEmpty) no ensaio in vitro de cicatrização. Utilizando tecidos humano organotípicos 3D, também observamos que macrófagos THP-1 superexpressando CD163 induziram um aumento na celularidade dos tecidos re-epitelizados, o qual é consistente com um reparo tecidual mais eficiente. No segundoconjunto de experimentas in vivo, utilizando macrófagos THP-1, confirmamos e validamos, preliminarmente, a indução gênica e proteica de HA e ED2 às 48 e 72 horas após transfecção, utilizando um plasmídeo que codifica ED2 enxertado/marcado com HA (pED2-HAtag) ou seu vetar vazio (pEmpty). Após cirurgia SMIR, o pico de macrófagos infiltrados no local lesionado ocorreu no dia 2 (D2) pós-operatório, na pele e no músculo. Assim, a injeção local subcutânea de pED2-HAtag no D2, induziu expressão gênica de ED2 e HA na pele e no músculo no D4 (dois dias após transfecção), durando até o D7 (cinco dias após transfecção) na pele, o qual preveniu comportamentos relacionados à dor espontânea nos D4 e D7 pós-operatórios, pela redução de mediadores pró-nociceptivos, tais como IL-1β e IL-6, quando comparado ao grupo tratado com pEmpty. Portanto, CD163/ED2 parece desempenhar um papel crítico na resolução da inflamação, bem como na indução da cicatrização de feridas, mediante promoção de um fenótipo anti-inflamatório em macrófagos humanos. Finalmente, postulamos que essa abordagem poderia promover um processo de cicatrização de feridas mais eficiente após cirurgias de grande porte, representando uma opção terapêutica para dor crônica pós-operatória e/ou neuropatias associadas a processos inflamatórios crônicos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 13.04.2017

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERREIRA, David Wilson; CUNHA, Thiago Mattar; ROMERO-SANDOVAL, Edgar Alfonso. Avaliação de uma abordagem baseada em nanotecnologia para indução da expressão gênica CD163/ED2 em macrófagos: potencial terapêutico para o processo de cicatrização de ferida e dor crônica pós-operatória. 2017.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2017.
    • APA

      Ferreira, D. W., Cunha, T. M., & Romero-Sandoval, E. A. (2017). Avaliação de uma abordagem baseada em nanotecnologia para indução da expressão gênica CD163/ED2 em macrófagos: potencial terapêutico para o processo de cicatrização de ferida e dor crônica pós-operatória. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Ferreira DW, Cunha TM, Romero-Sandoval EA. Avaliação de uma abordagem baseada em nanotecnologia para indução da expressão gênica CD163/ED2 em macrófagos: potencial terapêutico para o processo de cicatrização de ferida e dor crônica pós-operatória. 2017 ;
    • Vancouver

      Ferreira DW, Cunha TM, Romero-Sandoval EA. Avaliação de uma abordagem baseada em nanotecnologia para indução da expressão gênica CD163/ED2 em macrófagos: potencial terapêutico para o processo de cicatrização de ferida e dor crônica pós-operatória. 2017 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021