Exportar registro bibliográfico

SISPRENACEL: desenvolvimento e avaliação de um sistema de informação o comunicação para a atenção pré-natal (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: CIABATI, LÍVIA MARIA DE OLIVEIRA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RMS
  • Subjects: SAÚDE DA MULHER; MÃES; SISTEMAS DE INFORMAÇÃO; SAÚDE; DIAGNÓSTICO PRÉ-NATAL
  • Keywords: Pré-Natal; Saúde Materna; Sistema de Informação em Saúde
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivo: Desenvolver um sistema de distribuição de conteúdo por meio de mensagens curtas de texto por celular (SMS - short rnessage service) e avaliar se a utilização deste tipo de serviço direcionado a gestantes aumenta a adesão às práticas recomendadas de cuidado pré-natal. Desenho: Ensaio clinico controlado aleatorizado por conglomerados. Local do estudo: 20 unidades básicas de saúde (UBSs) de Ribeirão Preto, Brasil. População: Mulheres com mais de 18 anos, em seguimento de pré-natal nas UBSs selecionadas, com até 20 semanas de gestação no periodo de recrutamento. Métodos: Foi desenvolvido e implantado um sistema de informação e comunicação em saúde capaz de distribuir automaticamente conteúdo relevante para gestantes no período de pré-natal e pós-parto, o SISPRENACEL. Apesar de construído utilizando as boas práticas em engenharia de software e seu uso ter sido monitorado de perto, o sistema em si não foi avaliado neste trabalho. Para avaliar o impacto da intervenção, foram selecionadas as 20 UBSs que apresentaram os maiores números de gestantes nos anos anteriores. As UBS foram aleatorizadas em 2 grupos de 10 unidades para receber a intervenção e servir como controle. Em cada UBS alocado para receber a intervenção foram afixados cartazes convidando as gestantes a receber um pacote de SMS com conteúdo relacionada a gestação e ao parto (PRENACEL). Também nestas unidades, cada gestante recebeu uma filipeta reiterando o convite e com informações sobre o PRENACEL. As mulheres que se interessaram pelo projeto foram avaliadas quanto sua elegibilidade, forneceram consentimento e então passaram a receber as SMS, enviadas automaticamente pelo SISPRENACEL, durante a gestação em adição ao cuidado pré-natal de rotina. Nenhuma intervenção foi realizada nas UBS do grupo controle e as gestantes daquele grupo receberam apenas o cuidado pré-natal de rotinaAs gestantes advindas dos dois grupos foram entrevistadas nas maternidades participantes após o parto. Principal medida de desfecho: A proporção de mulheres que apresentaram uma alta cobertura de práticas recomendadas durante o cuidado pré-natal, avaliada por um escore de cuidados (EC). Resultados: 350 mensagens demonstrando interesse em participar do PRENACEL foram recebidas e 157 mulheres elegíveis foram cadastradas pelo sistema. Durante o pré-natal foram enviadas 21.703 mensagens programadas, 1087 mensagens foram recebidas contendo dúvidas, sugestões ou comentários do serviço e 1230 mensagens foram enviadas em resposta as gestantes. Um total de 1210 mulheres elegiveis para participar do estudo recebeu cuidado prénatal nas UBS participantes do projeto e tiveram seus desfechos avaliados nas maternidades participantes, sendo 770 oriundas das unidades intervenção e 440 das unidades controle. 157 mulheres elegiveis para receber a intervenção se interessaram pelo PRENACEL (20.4%,157/770) e 73.9% delas (116/157) receberam e acossaram o pacote de mensagens. Houve desbalanço entre algumas características de base entre os grupos estudados e, em que pese o escore médio de cuidados pré-natais do grupo Intervenção ter sido maior que a do grupo Controle [46,6 (~8,0) vs 45,2 (~8,7), p=0,0002l, a análise ajustada de intenção de tratamento não demonstrou diferença nos resultados entre os grupos intervenção e controle para a ocorrência de um alto escore de cuidados pré-natais. A análise por protocolo (bruta e ajustada para características sociodemográficas) sugere beneficio da intervenção (RR ajustado para um alto escore de cuidados pré-natais: 1,12 (IC95%1,05-1,21)). Houve maior frequência de realização de 6 ou mais consultas (96,9% vs. 84,8%, p=0,01) e de exames para Sifilis (40,5% vs. 24,8%, p=0,03) e HIV (46,6% vs. 25,7%, p=0,0006) no grupo PRENACEL que no controle.A proporção de gestantes com alto EC foi maior no PRENACEL que no Controle (94% vs. 80%, pc0,0001). O NNT foi de sete mulheres recebendo a intervenção para uma mulher adicional com um alto escore de cuidados pré-natais. Conclusões: A utilização de um sistema de distribuição de conteúdo relevante foi essencial para o gerenciamento do volume e controle das mensagens distribuídas. Houve aumento de adesão aos cuidados recomendados durante este período, particularmente às consultas pré-natais e a triagem sorológica para sífilis e HIV entre as mulheres que receberam e acossaram o conteúdo enviado por SMS. É necessário desenvolver uma estratégia de implementação capaz de maximizar o interesse das mulheres em receber um pacote de SMS com conteúdo relacionada a gestação e parto
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.12.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CIABATI, Lívia Maria de Oliveira; SOUZA, João Paulo Dias de. SISPRENACEL: desenvolvimento e avaliação de um sistema de informação o comunicação para a atenção pré-natal. 2016.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17139/tde-07062017-121646 >.
    • APA

      Ciabati, L. M. de O., & Souza, J. P. D. de. (2016). SISPRENACEL: desenvolvimento e avaliação de um sistema de informação o comunicação para a atenção pré-natal. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17139/tde-07062017-121646
    • NLM

      Ciabati LM de O, Souza JPD de. SISPRENACEL: desenvolvimento e avaliação de um sistema de informação o comunicação para a atenção pré-natal [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17139/tde-07062017-121646
    • Vancouver

      Ciabati LM de O, Souza JPD de. SISPRENACEL: desenvolvimento e avaliação de um sistema de informação o comunicação para a atenção pré-natal [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17139/tde-07062017-121646


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021