Exportar registro bibliográfico

Parametrização de Sistemas de Equações Diferenciais Ordinárias no crescimento de bovinos de corte e produção de gases (2016)

  • Authors:
  • Autor USP: BIASE, ADRIELE GIARETTA - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LCE
  • Subjects: REAMOSTRAGEM BOOTSTRAP; BOVINOS DE CORTE (CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO); EQUAÇÕES DIFERENCIAIS ORDINÁRIAS; ESTIMAÇÃO NÃO PARAMÉTRICA; GASES (EMISSÃO); INFERÊNCIA NÃO PARAMÉTRICA
  • Keywords: Pacote FME
  • Language: Português
  • Abstract: Parametrizações de modelos e estruturas de correlações dos parâmetros no âmbito agropecuário são importantes por caracterizarem o comportamento de um sistema em resposta a variações de múltiplos cenários (clima, genótipos, dietas nutricionais, dentre outros fatores) que existem em escalas globais. O objetivo foi contribuir com inferências estatísticas na produção de gases CO2 [um potente Gás de Efeito Estufa (GEE)] nas fermentações in vitro de feno de alfafa, comparando métodos frequentistas com novas metodologias surgidas na literatura científica como a combinação dos métodos de Rejeição por Atraso e o Metropólis Adaptativo (RAMA), até então não testados para predições de gases de fermentação in vitro. Além disso, modelos de séries temporais foram usados para previsão da produção de CO2 nas fermentações de gases in vitro de feno de alfafa. Dentro do contexto de crescimento de gado de corte, foi realizada pela primeira vez uma abordagem para predições individuais dos animais para taxa de ganho de peso e a necessidade de energia para mantença baseada na dinâmica de crescimento e composição química corporal do Modelo de Crescimento de Davis (MCD), com comparação de análise de covariância multivariada entre diferentes cenários (gêneros, sistemas e genótipo cruzados), em um experimento a campo no Brasil. Adicionalmente calibrações dos parâmetros baseadas na amostra de cada cenário, pelos ajustes do MCD e usando análise frequentista, bootstrap não-paramétrico e simulações MonteCarlo foram realizadas com os dados nacionais (raça cruzada) e comparada com as estimativas originais do modelo obtido com raças Britânicas (Bos taurus). Os principais critérios adotados para avaliar os ajustes dos modelos foram o Erro Quadrático Médio de Predição (EQMP), o Critério de Informação Akaike (AIC) e o Critério de Informação Bayesiano (BIC). Os resultados não só contribuirão para o avanço da literatura existente, mas também auxiliarão a indústria de carne bovina e produtores rurais a encontrar especificações do mercado de carne, tanto a nível nacional e internacional. Concluiu-se que i) na produção de gases: o modelo ARIMA (1, 1, 2) ajustou a produção acumulativa de CO2, atingindo o valor máximo de 1,1066 (mL) no tempo de 47,5 h e a equação é indicada para estimar a produção de gases; ii) no crescimento de gados de corte usando as estimativas individuais do MCD, os vetores de efeitos de energia de mantença e o acréscimo de proteína possuem efeitos pronunciados quanto as interações entre sistemas e gêneros; iii) no crescimento de gados de corte usando as estimativas da amostra total com MCD, os genótipos cruzados tiveram maior gasto de energia de mantença e foram mais rápidos de maturação em comparação tanto com os animais de genótipos Britânicos (Bos taurus) e touros Nelores. A técnica de bootstrap não-paramétrica estimou com sucesso as distribuições dos parâmetros (que tiveram distribuição probabilidade normal para maioria dos cenários). Correlação negativaentre os parâmetros de acréscimo de DNA e energia de mantença foram encontrados para animais machos não castrados do sistema extensivo, indicando que foram mais eficientes no uso da energia. A generalização de tal relação ainda demanda estudos mais abrangentes e aprofundados
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.02.2016
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BIASE, Adriele Giaretta; DIAS, Carlos Tadeu dos Santos. Parametrização de Sistemas de Equações Diferenciais Ordinárias no crescimento de bovinos de corte e produção de gases. 2016.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2016. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11134/tde-19042016-104539/ >.
    • APA

      Biase, A. G., & Dias, C. T. dos S. (2016). Parametrização de Sistemas de Equações Diferenciais Ordinárias no crescimento de bovinos de corte e produção de gases. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11134/tde-19042016-104539/
    • NLM

      Biase AG, Dias CT dos S. Parametrização de Sistemas de Equações Diferenciais Ordinárias no crescimento de bovinos de corte e produção de gases [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11134/tde-19042016-104539/
    • Vancouver

      Biase AG, Dias CT dos S. Parametrização de Sistemas de Equações Diferenciais Ordinárias no crescimento de bovinos de corte e produção de gases [Internet]. 2016 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11134/tde-19042016-104539/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021