Exportar registro bibliográfico

Tempo musical em Theodor W. Adorno (2015)

  • Authors:
  • Autor USP: SOCHA, EDUARDO - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLF
  • Subjects: TEMPO (MÚSICA); ESTÉTICA; FILOSOFIA DA MÚSICA
  • Keywords: Avantgarde; Boulez; Boulez; Darmstadt school; Escola de Darmstadt; Stockhausen; Stockhausen; Vanguarda
  • Language: Português
  • Abstract: A partir da constatação dos diversos modos de formalização da experiência temporal na música do século 20, pretende-se analisar a consolidação do conceito de tempo musical no pensamento de Theodor W. Adorno. O escopo adotado será sua crítica ao serialismo pós- Webern, vinculada ao debate com os compositores da Escola de Darmstadt nas décadas de 1950 e 60, e sobre a qual operam seus conceitos de material e música informal. Um duplo propósito orienta a tese. Primeiramente, trata-se de esclarecer os referenciais do conceito de tempo que Adorno mobiliza em seus escritos musicais, tomando por base a reciprocidade entre categorias filosóficas e musicais que o filósofo sempre sustentou em seu percurso intelectual. História da filosofia e história da música constituem, para Adorno, campos para uma crítica convergente à progressiva espacialização e "destemporalização do tempo". Nesse sentido, os Beethoven-Fragmente contribuem para uma primeira elucidação do conceito materialista. Já os ensaios sobre Stravinsky e sobre as relações entre música e pintura demonstram o potencial crítico e especulativo do conceito. Em um segundo momento, a tese procura descrever, em contraponto ao pensamento adorniano, as abordagens teóricas propostas por Pierre Boulez e Karlheinz Stockhausen sobre o problemática do tempo musical, com as quais Adorno teve contato. Identificamos, então, no encaminhamento programático de uma música informal o ponto culminante da crítica de Adorno às orientações teóricas epráticas da vanguarda serialista no pós-guerra. Notamos que sua intensa participação nos cursos de Darmstadt entre 1952 e 1966 (onde atuou como professor, crítico, conferencista e organizador de debates) esteve fortemente alinhada à sua produção ensaística e monográfica voltada à música no mesmo período. Nesse sentido, acreditamos que a confrontação com os compositores de Darmstadt viabilizou uma ocasião decisiva para que o filósofo expusesse criticamente e colocasse à prova os critérios de seu conceito de tempo musical.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.09.2015
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SOCHA, Eduardo; SAFATLE, Vladimir Pinheiro. Tempo musical em Theodor W. Adorno. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-12012016-125616/ >.
    • APA

      Socha, E., & Safatle, V. P. (2015). Tempo musical em Theodor W. Adorno. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-12012016-125616/
    • NLM

      Socha E, Safatle VP. Tempo musical em Theodor W. Adorno [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-12012016-125616/
    • Vancouver

      Socha E, Safatle VP. Tempo musical em Theodor W. Adorno [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8133/tde-12012016-125616/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021