Exportar registro bibliográfico

Avaliação da participação de receptores Toll-like endossomais na indução de autofagia e controle da infecção de macrófagos por Leishmania major (2014)

  • Authors:
  • USP affiliated author: FLEURI, ANNA KAROLINE AGUIAR - FMRP
  • School: FMRP
  • Sigla do Departamento: RBI
  • Subjects: LEISHMANIA; RECEPTORES CELULARES; MACRÓFAGOS
  • Language: Português
  • Abstract: A ativação dos receptores Toll-like (TLRs) vem sendo associada a indução de autofagia, um mecanismo essencial para manter a homeostase celular através do direcionamento de organelas para degradação lisossomal. A autofagia também atua como um mecanismo microbicida direcionando patógenos intracelulares para degradação, como por exemplo, bactérias, sendo este processo denominado xenofagia. No entanto, não está bem esclarecida a função da autofagia na resistência do hospedeiro contra parasitas do gênero Leishmania. O objetivo deste trabalho foi determinar o papel da autofagia na resistência do hospedeiro contra L. major (Lm). Para avaliar se Lm ativa a autofagia, macrófagos derivados de medula óssea (BMDMs) foram transduzidos com vetores lentivírais codificando GFP-LC3. A indução da autofagia foi avaliada por microscopia de fluorescência e por western blotting. Observamos que a infecção por Lm aumentou o número de GFP-LC3 (autofagossomas) por célula e o processo de delipidação de LC3 em BMDMs em comparação as células não infectadas. Para estudar o papel da autofagia na restrição da infecção por Lm, avaliamos a replicação do parasito em BMDMs após o silenciamento de Atg5, uma proteína essencial para a formação da membrana do autofagossoma. Observamos um aumento na multiplicação intracelular do parasita em BMDMs após o silenciamento de Atg5. Este resultado sugere que a autofagia favorece a resistência do hospedeiro à infecção por Leishmania. Para determinar as vias de sinalização intracelulares necessárias para a ativação de autofagia após a infecção por Lm, macrófagos deficientes em TLRs foram infectados e quantificado o número de pontos de LC3. Nossos dados mostraram que BMDMs deficientes em MyD88, TLR3/7/9 e UNC93B1 falharam na indução de autofagia após infecção por Lm. Além disso, após o silenciamento de Atg5 em BMDMs deficientes em MyD88 e UNC93B1houve pequeno efeito na replicação de Lm em comparação aos BMDMs WT. Estes dados indicam que estas proteínas são importantes para a restrição da replicação de Lm em BMDMs por um mecanismo dependente de autofagia. Em conclusão, nossos dados mostraram que Lm induz autofagia e que a ativação da autofagia mediada pela sinalização por TLR3/7/9/MyD88 favorece a restrição da multiplicação de Lm em macrófagos.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 07.10.2014

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FLEURI, Anna Karoline Aguiar; ZAMBONI, Dario Simões. Avaliação da participação de receptores Toll-like endossomais na indução de autofagia e controle da infecção de macrófagos por Leishmania major. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014.
    • APA

      Fleuri, A. K. A., & Zamboni, D. S. (2014). Avaliação da participação de receptores Toll-like endossomais na indução de autofagia e controle da infecção de macrófagos por Leishmania major. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Fleuri AKA, Zamboni DS. Avaliação da participação de receptores Toll-like endossomais na indução de autofagia e controle da infecção de macrófagos por Leishmania major. 2014 ;
    • Vancouver

      Fleuri AKA, Zamboni DS. Avaliação da participação de receptores Toll-like endossomais na indução de autofagia e controle da infecção de macrófagos por Leishmania major. 2014 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020