Exportar registro bibliográfico

Mecanismos celulares envolvidos no relaxamento induzido por doador de óxido nítrico em artéria mesentérica de resistência e artéria coronária de ratos hipertensos renais (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: ANDRADE, FERNANDA APARECIDA DE - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RFA
  • Subjects: ÓXIDO NÍTRICO; VASODILATAÇÃO; NEFROPATIAS
  • Language: Português
  • Abstract: O óxido nítrico (NO) é um importante agente vasodilatador, que regula o tônus vascular e o fluxo sanguíneo. A produção endógena e/ou biodisponibilidade de NO pode ser reduzida na hipertensão levando à redução da vasodilatação dependente de NO. Estudos prévios caracterizaram o complexo nitrito-rutênio cis[Ru(bpy)2(py)(NO2)](PF6), RuBPY, como novo doador de NO com potencial terapêutico. Este composto libera NO de forma dependente do tecido e promove relaxamento vascular em aorta de ratos sadios. Considerando a possível utilização clínica deste doador como anti-hipertensivo, torna-se particularmente importante investigar a ação deste composto em artérias de resistência e coronária, que estão diretamente envolvidas na regulação da pressão arterial e do fluxo sanguíneo cardíaco. Assim, a hipótese deste trabalho é de que RuBPY seja uma estratégia promissora para aumentar a biodisponibilidade de NO e promover o relaxamento vascular em artérias de resistência e coronárias de ratos hipertensos renais 2R-1C. O objetivo de nosso trabalho foi estudar os mecanismos celulares envolvidos no relaxamento vascular induzido por RuBPY em artéria mesentérica de resistência e artéria coronária isolada de ratos normotensos (2R) e hipertensos renais (2R-1C). Realizamos estudos de reatividade vascular, microscopia confocal e de fluorescência, amperometria, expressão protéica (Westem bloffing) e quimiluminescência da lucigenina. Em artérias mesentéricas de resistência, o doador RuBPY liderou NO e promoveu relaxamento vascular de forma dependente da concentração, o que não foi diferente entre artérias de ratos 2R e 2R-1C. O perfil de liberação de NO do composto e o tempo necessário para atingir seu efeito máximo de relaxamento foi similar em ambos os grupos de artérias. RuBPY induziu relaxamento pela ativação da enzima guanilil-ciclase solúvel (GCs), ativação da proteína quinasedependente de GMPc (PKG) e de canais para potássio. Porém, a ativação da Ca^2+-ATPase do retículo sarcoplasmático (SERCA) não está envolvida neste efeito. O sequestrador de ânions superóxido e o mimético da catalase (CAT) intracelular não alteraram o efeito relaxante do RuBPY. Porém, seu efeito relaxante foi reduzido pela inibição da enzima NADPH oxidase. A expressão das enzimas Nox1 e Nox4 foi maior em leito mesentérico de ratos 2R-1C. No entanto, a atividade da NADPH oxidase e a produção de espécies reativas de oxigênio (EROs) foi menor em leito mesentérico de ratos 2R-1C do que de 2R. A inibição da enzima superóxido dismutase (SOD) aumentou o efeito relaxante de RuBPY apenas em artérias de ratos 2R. No entanto, a expressão protéica das enzimas SOD e CAT não foi diferente entre os grupos. Em artérias coronárias, RuBPY promoveu relaxamento vascular de forma dependente da concentração e de forma semelhante em artérias de ratos 2R e 2R-1C. O efeito relaxante de RuBPY na artéria coronária envolve a ativação da GCs, PKG e canais para potássio, sendo que a SERCA está envolvida no efeito relaxante do doador apenas em artérias de ratos 2R-1C.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 07.11.2014

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ANDRADE, Fernanda Aparecida de; BENDHACK, Lusiane Maria. Mecanismos celulares envolvidos no relaxamento induzido por doador de óxido nítrico em artéria mesentérica de resistência e artéria coronária de ratos hipertensos renais. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014.
    • APA

      Andrade, F. A. de, & Bendhack, L. M. (2014). Mecanismos celulares envolvidos no relaxamento induzido por doador de óxido nítrico em artéria mesentérica de resistência e artéria coronária de ratos hipertensos renais. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Andrade FA de, Bendhack LM. Mecanismos celulares envolvidos no relaxamento induzido por doador de óxido nítrico em artéria mesentérica de resistência e artéria coronária de ratos hipertensos renais. 2014 ;
    • Vancouver

      Andrade FA de, Bendhack LM. Mecanismos celulares envolvidos no relaxamento induzido por doador de óxido nítrico em artéria mesentérica de resistência e artéria coronária de ratos hipertensos renais. 2014 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021