Exportar registro bibliográfico

Cinética e mecanismo de redução de espécies de ferro-heme hipervalentes pelo 'H IND.2'S, cisteína e CO em relação à proteção do trato gastrointestinal e a qualidade da carne (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: LIBARDI, SILVIA HELENA - IQSC
  • Unidade: IQSC
  • Assunto: QUÍMICA ANALÍTICA
  • Keywords: MONÓXIDO DE CARBONO; CISTEÍNA; SULFOMIOGLOBINA
  • Language: Português
  • Abstract: Estudos da reatividade de espécies oxidantes e a interação destas espécies com estruturas sensíveis a oxidação e antioxidantes em condições biológicassão de grande importância no entendimento dos processos redox em alimentos e no corpo humano. A mioglobina é a ferro heme proteína majoritária do músculo esquelético de mamíferos e a sua ativação por peróxido de hidrogênio dá origem às espécies reativas de ferro heme hipervalentes,perferrilmioglobina e ferrilmioglobina, que podem induzir a condição de estresse oxidativo. A reação das espécies de ferro heme hipervalentes com constituintes do meio biológico ou alimentos como proteínas ou membranas podem tanto afetar a qualidade de produtos cárneos quanto causar danos celulares no trato gastrointestinal durante sua digestão.Pequenas moléculas tais como o NO, H2S e CO são produzidas endogenamente em sistemas biológicos e, além de desempenharem importantes funções na manutenção dometabolismo celular,podem apresentar atividade antioxidante.A presente Tese procurou investigara cinética e o mecanismo para a redução das espécies perferrilmioglobina e ferrilmioglobina pelo monóxido de carbono, reação esta que apresentaconstante de velocidade de segunda ordem de k2 =(3,3 ± 0,6) 102 mol L-1, a 25 oC, para a redução da espécie perferrilmioglobina. Posteriormente,foi investigada a cinética e mecanismo de redução da ferrilmioglobinapelo H2S levando à formação da espécie sulfomioglobina-Fe(II)A constante de segunda ordem obtida para a reação entre a espécie protonada da ferrilmioglobina e o H2Sfoide k2 = (2,5 ± 0,1) 106 L mol-1 s-1, duas ordens de magnitude superior a constante de velocidade paraa reação entre a espécie ferrilmioglobina e o íonHS-, k2 = (1,0 ± 0,7)104L mol-1 s-1a 25 oC.Para a redução da espécie ferrilmioglobina pelo H2S/HS- e a formação da espécie sulfomioglobina-Fe(II) observa-se um efeito de compensação de temperatura (ΔH‡ = (2,1 ± 0,9) kJ mol−1) o que é um fator determinante na ocorrência do processo de greening em produtos cárneos condimentados durante estocagem a baixa temperatura. A formação da espécie sulfomioglobina foi também investigada na reação de redução da ferrilmioglobina pela L-cisteína. Para esta reação foi observada dependência do mecanismo da reação com o pH. A formação da espécie sulfomioglobina foi observada para a reação conduzia em meio ácido a neutro, enquanto que para a reação em condições alcalinas, observa-se a formação majoritária da espécie oximioglobina. Areação da cisteína com a espécie protonada da ferrilmioglobina apresentou constante de segunda ordem de k2 = (5,1 ± 0,4)L mol-1 s-1, e a reação entre a cisteína diânion e a ferrilmioglobina,em meio alcalino,apresentou constante de velocidade de segunda ordem com k2 =(0,12 ± 0,01) L mol-1s-1.A diferença de reatividade e no produto da reação é um indicativo da mudança de mecanismo de transferência de elétrons seguida de adição do radical HS•, em meio ácido, para um mecanismo sequencial detransferência de elétrons do dianion da cisteína para as espécies ferrilmioglina e metamioglobina levando a formação de oximioglobina em condições alcalinas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 16.12.2014

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LIBARDI, Silvia Helena; CARDOSO, Daniel Rodrigues. Cinética e mecanismo de redução de espécies de ferro-heme hipervalentes pelo 'H IND.2'S, cisteína e CO em relação à proteção do trato gastrointestinal e a qualidade da carne. 2014.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2014.
    • APA

      Libardi, S. H., & Cardoso, D. R. (2014). Cinética e mecanismo de redução de espécies de ferro-heme hipervalentes pelo 'H IND.2'S, cisteína e CO em relação à proteção do trato gastrointestinal e a qualidade da carne. Universidade de São Paulo, São Carlos.
    • NLM

      Libardi SH, Cardoso DR. Cinética e mecanismo de redução de espécies de ferro-heme hipervalentes pelo 'H IND.2'S, cisteína e CO em relação à proteção do trato gastrointestinal e a qualidade da carne. 2014 ;
    • Vancouver

      Libardi SH, Cardoso DR. Cinética e mecanismo de redução de espécies de ferro-heme hipervalentes pelo 'H IND.2'S, cisteína e CO em relação à proteção do trato gastrointestinal e a qualidade da carne. 2014 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021