Exportar registro bibliográfico

Estudo da cinética das respostas do consumo de oxigénio e da frequência cardíaca induzidas pelo exercício físico aeróbico em voluntários saudáveis e pacientes com Doença de Chagas e hipertensão arterial primária (2014)

  • Authors:
  • Autor USP: TAKAHAGI, VANESSA CRISTINA MIRANDA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: OXIGÊNIO; FREQUÊNCIA CARDÍACA; CINÉTICA
  • Language: Português
  • Abstract: A reserva funcional do sistema cardiovascular (RK) é geralmente obtida através da quantificação do consumo de oxigénio (“VO IND. 2”) no limiar de anaerobiose ventilatório (LAV) e no esforço máximo (“VO IND 2pico”). Em contrapartida, respostas das variáveis fisiológicas na transição repouso-exercício, mostram como os sistemas do organismo se ajustam no exercício tísico (EF). Dentre essas variáveis, as cinéticas do “VO IND 2” e da frequência cardíaca (FC) são as que melhor caracterizam as respostas dinâmicas do EF. A Doença de Chagas (CH) e a hipertensão arterial sistêmica primária (HAS) podem comprometer a RFC em esforço e o controle autonómico cardíaco. Nesse trabalho estudamos as cinéticas do “VO IND 2” e da FC, em protocolo do tipo degrau, com cargas de intensidade moderada (80% do LAV) e alta (150% do LAV) nos grupos de indivíduos CH (N=21), HAS (N=10) e saudáveis (SA; N=14). Os grupos CH e HAS apresentavam cardiopatia incipiente ou ausente. Realizou-se teste ergoespirométrico com protocolos continuo (PC) e descontinuo (PD), para coletar e armazenar as variáveis ventilatórias. O “VO IND 2pico” do grupo HAS foi menor do que o dos SA e CH, indicando que a RFC estava reduzida naquele grupo. A FCpico foi menor no grupo CH do que no SA, sugerindo que a incompetência cronotrópica no grupo CH seja causado por disfunção autonómica. Quanto à cinética de “VO IND 2pico”, usando modelos exponenciais (ME): em 80% do LAV, o “tau IND. 2” foi menor no grupo CH do que nos SA e HAS, o que expressa maior eficiência do metabolismo periférico nos CH; em 150% do LAV, o grupo CH apresentou menor valor de “a IND 3” do que o grupo SA. Na cinética da FC usando-se ME observamos diferenças somente nos parâmetros da carga intensa: menor valor de “tau IND. 2” no grupo CH do que no HAS, e menor valor de “tau IND. 3”, nos grupos CH e HAS, em relação aogrupo SA, indicando maior rapidez na resposta da FC nos grupos CH e HAS; a “a IND. 3” também foi menor nestes grupos. A interpretação desses achados é de difícil explicação, porque nessa fase 3, que é a mais tardia delas, a FC depende de complexa interação de fatores. Os deitas de FC (0-10s; 0-30s; 60-240s) dos grupos CH e HAS, obtidas no PD com cargas moderadas, mostraram disfunção vagal sobre o NS, com menor delta nos 10s iniciais; o mesmo ocorreu no grupo com HAS nos 30s. Em contrapartida, o delta de FC 60-240s foi menor no grupo CH do que no SA, sugerindo menor estimulação simpática sobre o NS no grupo CH. Portanto, somente os hipertensos apresentaram redução significativa da RFC (VI). Finalmente, deve ser enfatizado que a cinética do “VO IND. 2” e da FC possibilita uma análise dinâmica e complexa do transporte de “O IND. 2”, que complemento os métodos clássicos (LAV e “VO IND 2pico”)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.07.2014

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TAKAHAGI, Vanessa Cristina Miranda; GALLO JUNIOR, Lourenço. Estudo da cinética das respostas do consumo de oxigénio e da frequência cardíaca induzidas pelo exercício físico aeróbico em voluntários saudáveis e pacientes com Doença de Chagas e hipertensão arterial primária. 2014.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2014.
    • APA

      Takahagi, V. C. M., & Gallo Junior, L. (2014). Estudo da cinética das respostas do consumo de oxigénio e da frequência cardíaca induzidas pelo exercício físico aeróbico em voluntários saudáveis e pacientes com Doença de Chagas e hipertensão arterial primária. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Takahagi VCM, Gallo Junior L. Estudo da cinética das respostas do consumo de oxigénio e da frequência cardíaca induzidas pelo exercício físico aeróbico em voluntários saudáveis e pacientes com Doença de Chagas e hipertensão arterial primária. 2014 ;
    • Vancouver

      Takahagi VCM, Gallo Junior L. Estudo da cinética das respostas do consumo de oxigénio e da frequência cardíaca induzidas pelo exercício físico aeróbico em voluntários saudáveis e pacientes com Doença de Chagas e hipertensão arterial primária. 2014 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021