Exportar registro bibliográfico

Determinantes da estrutura de capital de empresas em diferentes cenários econômicos e institucionais: um estudo comparativo (2013)

  • Authors:
  • Autor USP: SANTOS, MARCO AURÉLIO DOS - FEARP
  • Unidade: FEARP
  • Sigla do Departamento: EAC
  • Subjects: DETERMINANTES; CAPITAL (ECONOMIA) (ESTRUTURA); TEORIAS ECONÔMICAS; EMPRESAS (ESTUDO COMPARATIVO)
  • Keywords: Agency Theory; ambiente econômico; Capital Structure determinants; Determinantes da estrutura de capital; economic environment; Multilevel Regression; Pecking Order Theory; Regressão Multinível; Teoria da Agência; Teoria de Pecking Order; Teoria de Trade-off; Trade-off Theory
  • Language: Português
  • Abstract: Diversas teorias ao longo do tempo apresentam explicações sobre as estruturas de capital das organizações. As principais são a teoria Pecking Order, Teoria Trade Off e Teoria Free Cash-Flow, com base na teoria de Agência. Todas essas teorias apresentam relações teóricas entre alguns determinantes de estruturas de capital vinculadas a firma que poderiam interferir na decisão de financiamento. Uma segunda linha de estudos, vinculada a esta, apresenta que determinantes externas a firma também interferem nesta estrutura de capital, porém as variáveis de firma comportam-se de forma semelhante em diferentes cenários econômicos. (RAJAN e ZINGALES, 1995; BOOTH et. al., 2001; de JONG et. al., 2008; GURCHARAN, 2010; KAYO e KIMURA, 2011). Considerando as pesquisas anteriores, desenvolveu-se uma investigação para a confirmação desta hipótese, com o objetivo de identificar quais variáveis são mais importantes na tomada de decisão financeira e se há variabilidade em cenários temporais e ambientes econômicos distintos. Para tal foram analisadas 10.243 empresas sediadas em 61 países distintos no período de 2002-2011, totalizando o número de 58.423 observações firma ano, por meio de um modelo de regressão linear hierárquica de três níveis com medidas repetidas, verificando qual a importância das variáveis de firma e país no endividamento, se há variação das mesmas em países com diferentes contextos econômicos e em períodos de crescimento e retração econômica. Foram analisadas cinco determinantes clássicas de firma (lucratividade, tangibilidade, proteção fiscal não advinda da dívida, tamanho e oportunidades de crescimento), e onze variáveis de país que possuem relação com o endividamento (PIB, inflação, taxa de impostos, volume negociado em ações, liquidez de bolsa, capitalização das empresas listadas, índice risco país, taxa dejuros, enforcement jurídico, nível de proteção ao investidor e nível de disclosure de negócios). A partir das análises realizadas, foi identificado que o endividamento está ligado em maior grau a características das firmas e ao tempo, e em menor grau, porém significante, às características do ambiente. Foi identificado que não há mudanças extremamente significativas no comportamento das variáveis de firma entre economias desenvolvidas e em desenvolvimento, assim como entre períodos pré e pós-crise financeira de 2008. Em relação as determinantes de país analisadas, observa-se que as mesmas apresentam comportamento adverso em função da crise de 2008, perdendo capacidade explicativa, e não apresentam comportamento de mudança de sinal dos coeficientes quando comparados países com desenvolvimento econômico distinto. Identifica-se que características do desenvolvimento econômico ficam mais evidentes no processo de financiamento, como acesso a recursos em economias com menor desenvolvimento. Os resultados apresentam convergência com os estudos anteriores como os de Moore (1986), Rajan e Zingales (1995), Booth et. al. (2001), Kayo e Kimura (2011), Bebzcuk e Galindo (2011), Akbar et. al (2012), entre outros
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.11.2013
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANTOS, Marco Aurélio dos; VALLE, Mauricio Ribeiro do. Determinantes da estrutura de capital de empresas em diferentes cenários econômicos e institucionais: um estudo comparativo. 2013.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2013. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/96/96133/tde-24012014-115909/ >.
    • APA

      Santos, M. A. dos, & Valle, M. R. do. (2013). Determinantes da estrutura de capital de empresas em diferentes cenários econômicos e institucionais: um estudo comparativo. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/96/96133/tde-24012014-115909/
    • NLM

      Santos MA dos, Valle MR do. Determinantes da estrutura de capital de empresas em diferentes cenários econômicos e institucionais: um estudo comparativo [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/96/96133/tde-24012014-115909/
    • Vancouver

      Santos MA dos, Valle MR do. Determinantes da estrutura de capital de empresas em diferentes cenários econômicos e institucionais: um estudo comparativo [Internet]. 2013 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/96/96133/tde-24012014-115909/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021