Exportar registro bibliográfico

Functionally referential and intentional communication in dogs (Canis familiaris) (2013)

  • Authors:
  • USP affiliated author: REDIGOLO, CARINE SAVALLI - IP
  • School: IP
  • Sigla do Departamento: PSE
  • Subjects: CÃES; COMUNICAÇÃO; COMPORTAMENTO ANIMAL; COGNIÇÃO SOCIAL
  • Keywords: Intencionalidade; Intentionality; Referencialidade; Referentiality
  • Language: Português
  • Abstract: A exposição ao ambiente social humano ofereceu aos cães um nicho especial para desenvolver habilidades socio-comunicativas para cooperar com o ser humano. Tem sido exaustivamente estudada a habilidade dos cães de usar sinais comunicativos do ser humano. O presente estudo levanta uma questão sobre a produção de sinais pelos cães para se comunicar com o ser humano: Os cães são capazes de se comunicar usando sinais direcionados a algum item de interesse no ambiente e com intenção de manipular seus tutores de tal forma a recebê-lo? Como intencionalidade não é possível de mensurar, alguns critérios operacionais podem ser considerados como requisitos para qualificar um sinal comunicativo como funcionalmente referencial e intencional: o sinal deve ser usado socialmente (para ser, antes de mais nada, considerado um sinal comunicativo) e influenciado pela direção da atenção visual do receptor; além disso o emissor do sinal deve apresentar alternância de olhares entre o receptor e o objeto ou evento a ser comunicado e comportamentos de chamar a atenção, e, finalmente, o emissor deve persistir e elaborar a comunicação quando a primeira tentativa de manipular o receptor falhar. Cães foram submetidos a um estudo experimental em que eles podiam ver uma comida desejável mas precisavam da cooperação de seus tutores para recebêla. Manipulando a presença/ausência do tutor/comida, a posição da comida (em dois possíveis lugares), a direção da atenção visual do tutor e o comportamento do tutorquanto ao resultado do pedido (dar a comida, metade da comida ou uma comida indesejável) após um período em que os cães comunicavam a comida, pudemos investigar se esses critérios de referencialidade xv e intencionalidade eram válidos para os cães. Foram encontradas evidências de que os cães usam comportamentos, especialmente a alternância de olhares entre o tutor e comida, como sinais comunicativos de uma maneira funcionalmente referencial e intencional. O presente e exaustivo estudo confirma e atualiza estudos anteriores; ele também enfatiza que diferentes cenários podem levar a diferenças nos comportamentos referenciais e intencionais dos cães. Assim como em outros estudos sobre cognição social em animais, esse estudo não permite separar se os comportamentos adaptativos dos cães baseiam-se em mecanismos simples ou em uma teoria da mente do seu tutor; ainda assim, ele mostra nos cães propriedades dos comportamentos comunicativos similares aos dos pongídeos que vivem em cativeiro
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.04.2013
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      REDIGOLO, Carine Savalli. Functionally referential and intentional communication in dogs (Canis familiaris). 2013. Tese (Doutorado) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2013. Disponível em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47132/tde-16072013-122824/. Acesso em: 24 set. 2022.
    • APA

      Redigolo, C. S. (2013). Functionally referential and intentional communication in dogs (Canis familiaris) (Tese (Doutorado). Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47132/tde-16072013-122824/
    • NLM

      Redigolo CS. Functionally referential and intentional communication in dogs (Canis familiaris) [Internet]. 2013 ;[citado 2022 set. 24 ] Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47132/tde-16072013-122824/
    • Vancouver

      Redigolo CS. Functionally referential and intentional communication in dogs (Canis familiaris) [Internet]. 2013 ;[citado 2022 set. 24 ] Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/47/47132/tde-16072013-122824/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2022