Exportar registro bibliográfico

Síntese e avaliação da atividade biológica de derivados aminoglicosídeos como potenciais inibidores na replicação do vírus HIV-1 (2012)

  • Authors:
  • Autor USP: MORAIS, PEDRO ALVES BEZERRA - FCFRP
  • Unidade: FCFRP
  • Sigla do Departamento: S/D
  • Subjects: SÍNDROME DE IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA; HIV; AMINOGLICOSÍDEOS; SÍNTESE QUÍMICA
  • Keywords: AIDS; AIDS; HIV-1 virus; Aminociclitóis; aminoglycosides; click chemistry; click chemistry; CuAAC: cicloadição azido-alcino catalisada por Cu(I); CuAAC: coppe; nucleosídicos; Síntese de análogos; synthesis of nucleoside analogues; Vírus HIV-1
  • Language: Português
  • Abstract: e estéricas nos conjugados de interesse frente à atividade anti-HIV. Os derivados alcinos presentes na posição C-5\' de adenosina, via grupo triazol, foram empregados para a síntese dos monômeros nucleosídeo-aminociclitóis, assim como, na síntese de dímeros nucleosíde0-aminociclitóis, via reação de cicloadição 1,3-dipolar, na presença de CuSO4, quantidade catalítica, e ascorbato de sódio, para geração in situ de Cu(I). Adicionalmente, alguns dos compostos, na concentração de 1mM, foram testados empregando o ensaio de ELISA para detecção da presença de proteína viral p24 em linhagem células H9 e avaliação de sua atividade antirretroviral. De acordo com o ensaio biológico, um dos compostos preparados apresentou, proporcionalmente ao crescimento da linhagem H9 (HIV) controle, atividade de inibição de formação da proteína viral p24 similar ao composto padrão zidovudina (AZT). Além disso, outros dois compostos também apresentaram um resultado relevante uma vez que suas atividades foram similares ao composto padrão lamivudina (3TC). Estes resultados sugerem que a presença de uma cadeia metilênica mais extensa, como cadeia lateral ou grupo espaçante, pode influenciar positivamente a atividade biológica por efeito hidrofóbico ou estérico. Por fim, os ensaios de viabilidade celular demonstraram que os compostos testados não foram citotóxicos nas condições testadasDe acordo com a Organização Mundial de Saúde (World Health Organization - WHO), aproximadamente 40 milhões de pessoas ao redor do mundo estão infectadas com HIV/AIDS. Atualmente, a epidemia tem sido controlada em grande parte do mundo ocidental, porém, projeções sugerem que, até o fim desta década, o número de incidência da doença poderá duplicar. Apesar das significantes melhoras na morbidade e mortalidade de pacientes infectados pelo HIV, o rápido surgimento de cepas resistentes aos agentes anti-HIV, além dos efeitos adversos e o alto custo de fármacos de última geração, torna-se necessário o continuo desenvolvimento de novas classes de agentes anti-HIV. A transcrição e multiplicação do RNA viral são dependentes das interações seqüência-específica entre duas proteínas reguladoras virais essenciais, Tat e Rev, com seus respectivos sítios no RNA, TAR e RRE. Durante a última década, os aminoglicosídeos foram introduzidos como ligantes universais do RNA, sendo capazes de se ligar ao TAR e ao RRE. A literatura apresenta diversos aminoglicosídeos que são capazes de se ligar ao TAR e inibir a interação Tat-TAR bem como, inibir competitivamente a ligação da proteína Rev ao RRE, como, por exemplo, a neomicina e tobramicina. Considerando a importância dos aminoglicosídeos e análogos nucleosídicos, conhecidamente eficazes na terapia antirretroviral, o trabalho foi direcionado para a síntese de conjugados de aminociclitol, 2- desoxi-estreptramina, e adenosina, bem como, dímeros de adenosina via estratégia de click chemistry por reação de cicloadição azido-alcino catalisada por Cu(I) (CuAAC). Para a síntese destes produtos, o precursor adenosina foi convertido no derivado 5\'-azido-5\'- desoxi-adenosina, o qual foi condensado com diversos diinos terminais comerciais, contendo diferentes grupos espaçantes, com a finalidade de explorar suas influências nas propriedades eletrônicas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.10.2012
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MORAIS, Pedro Alves Bezerra; CARVALHO, Ivone. Síntese e avaliação da atividade biológica de derivados aminoglicosídeos como potenciais inibidores na replicação do vírus HIV-1. 2012.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-25022013-105831/ >.
    • APA

      Morais, P. A. B., & Carvalho, I. (2012). Síntese e avaliação da atividade biológica de derivados aminoglicosídeos como potenciais inibidores na replicação do vírus HIV-1. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-25022013-105831/
    • NLM

      Morais PAB, Carvalho I. Síntese e avaliação da atividade biológica de derivados aminoglicosídeos como potenciais inibidores na replicação do vírus HIV-1 [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-25022013-105831/
    • Vancouver

      Morais PAB, Carvalho I. Síntese e avaliação da atividade biológica de derivados aminoglicosídeos como potenciais inibidores na replicação do vírus HIV-1 [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60138/tde-25022013-105831/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021