Exportar registro bibliográfico


Metrics:

Afastamento do trabalho por transtornos mentais e fatores associados: um estudo caso-controle entre trabalhadores segurados da Previdência Social (2012)

  • Authors:
  • USP affiliated author: SILVA JÚNIOR, JOÃO SILVESTRE DA - FSP
  • School: FSP
  • Sigla do Departamento: HSA
  • DOI: 10.11606/D.6.2012.tde-26102012-134845
  • Subjects: ABSENTEÍSMO; ESTRESSE PROFISSIONAL; FATORES PSICOSSOCIAIS; PREVIDÊNCIA SOCIAL (ASPECTOS MÉDICOS); SAÚDE OCUPACIONAL; SAÚDE MENTAL; AMBIENTE DE TRABALHO; MODO DE VIDA; COMPORTAMENTO SOCIAL (PERCEPÇÃO); QUESTIONÁRIOS; ESTUDOS DE CASOS E CONTROLES
  • Keywords: Epidemiologia Ocupacional; Fatores Psicossociais no Trabalho; Saúde do Trabalhador
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução - As ausências ao trabalho por doença são usadas como indicador da saúde dos trabalhadores e consideradas um significante problema de Saúde Pública. Diversos fatores são descritos como associados ao absenteísmo-doença, independentemente do agravo. A Previdência Social do Brasil regulamenta a concessão de benefício para trabalhadores que comprovarem incapacidade para o trabalho acima de quinze dias por adoecimento. Em 2010, transtornos mentais e comportamentais foram a terceira principal causa de concessão de auxílio-doença por incapacidade laborativa. Objetivo - Avaliar os fatores associados às longas ausências ao trabalho por transtornos mentais e comportamentais. Materiais e Método - Estudo de caso-controle composto por 385 participantes. Os casos foram requerentes de benefício previdenciário por transtorno mental incapacitante na cidade de São Paulo, Brasil. Foram realizadas entrevistas para preenchimento de questionários sociodemográfico e de hábitos/estilo de vida, ocupacional inclusive percepção de fatores psicossociais no trabalho, avaliação de condição de saúde e dados do laudo médico-pericial da Previdência Social. Foi realizada regressão logística múltipla hierarquizada para a avaliação da associação das variáveis independentes ao desfecho.Resultados - Os fatores associados foram: sexo feminino, alta escolaridade, cor da pele autorreferida como branca, alto grau de consumo de fumo e de ingesta de álcool, vínculo com empresa estatal, exposição à violência no trabalho, baixo apoio social, elevado comprometimento com o trabalho, atendimento médico por mais de dois diagnósticos no último ano. Na modelagem com interação entre as dimensões dos modelos de estresse ocupacional, a exposição à alta exigência com baixo apoio social, o desequilíbrio esforço-recompensa com elevado comprometimento e a interação entre essas quatro dimensões estão associadas ao desfecho de forma significativa. Considerações Finais - Aspectos sociodemográficos, hábitos e estilo de vida, característica e condição de trabalho, além do status de saúde, estão associados ao longo afastamento do trabalho por transtorno mental e comportamental. A exposição ocupacional a fatores desfavoráveis de natureza psicossocial é importante contribuidora no desfecho. Vê-se a necessidade de atenção para tais situações no intuito de ampliar as perspectivas de antecipação ao risco e implantação de ações intervencionistas que minimizem impactos negativos na saúde dos trabalhadores.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.08.2012
  • Online source accessOnline source accessOnline source accessDOI
    Informações sobre o DOI: 10.11606/D.6.2012.tde-26102012-134845 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold
    • Licença: cc-by-nc-sa

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA JÚNIOR, João Silvestre da; FISCHER, Frida Marina. Afastamento do trabalho por transtornos mentais e fatores associados: um estudo caso-controle entre trabalhadores segurados da Previdência Social. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < https://doi.org/10.11606/D.6.2012.tde-26102012-134845 > DOI: 10.11606/D.6.2012.tde-26102012-134845.
    • APA

      Silva Júnior, J. S. da, & Fischer, F. M. (2012). Afastamento do trabalho por transtornos mentais e fatores associados: um estudo caso-controle entre trabalhadores segurados da Previdência Social. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://doi.org/10.11606/D.6.2012.tde-26102012-134845
    • NLM

      Silva Júnior JS da, Fischer FM. Afastamento do trabalho por transtornos mentais e fatores associados: um estudo caso-controle entre trabalhadores segurados da Previdência Social [Internet]. 2012 ;Available from: https://doi.org/10.11606/D.6.2012.tde-26102012-134845
    • Vancouver

      Silva Júnior JS da, Fischer FM. Afastamento do trabalho por transtornos mentais e fatores associados: um estudo caso-controle entre trabalhadores segurados da Previdência Social [Internet]. 2012 ;Available from: https://doi.org/10.11606/D.6.2012.tde-26102012-134845


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2022