Exportar registro bibliográfico

A educação moral em Émille Durkheim (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: VARES, SIDNEI FERREIRA DE - FE
  • Unidade: FE
  • Sigla do Departamento: EDF
  • Subjects: EDUCAÇÃO MORAL; SOCIEDADE; MODERNIDADE
  • Language: Português
  • Abstract: O presente trabalho tem por intento analisar o conceito de educação moral desenvolvido pelo socialógo francês Emile Durkheim, enfatizando suas implicações sociológicas e políticas, principalmente no que concerne a relação entre sociedade e indivíduo. Para tanto, percorremos os principais conceitos desenvolvidos pelo autor, buscando conciliar sua teoria social e sua teoria pedagógica. Sabe-se que seus trabalhos estão profundamente arraigados ao conturbado contexto que marcou a Europa do seculo XIX e mais especificamente a França desse período. Considerando a crise que acometeu as sociedades industriais contemporâneas, sua sociologia tem sido freqiientemente apresentada dentro de um escopo conservador, no qual a ordem aparece como preocupação fundamental de sua teoria social. Segundo essa interpretação, seu proptósito seria o de reconstruir o equilíbrio social par meio do estabelecimento de uma nova forma de moralidade capaz de se adequar à realidade complexa da sociedade moderna. Concebida como um fato socIal, a educação deveria cumprir um papel fundamental aos propósitos reformistas do autor, a saber inculcar valores sociais nas novas gerações, formando assim cidadãos integrados ao corpo social. Esse sistema educacional deveria ser subvencionado pelo Estado - órgão pensante -- cuja função é resguardar 0 campo educativo de qualquer tipo de particularismo politico-ideologico. Todavia, alguns artigos recentemente escritospor Antony Giddens deram novos rumos a compreensão da obra de Durkheim. Contrariando a maior parte dos modelos explicativos, Giddens propõe uma leitura histórica da obra durkheiminiana, no qual procura demonstrar que sua sociologia, longe de ter a ordem como fulcro , dedica-se apenas a compreender a passagem da sociedade tradicional para a sociedade moderna. Na leitura proposta pelo autor, o crescente individualismo seria uma tendência das sociedades altamente diferenciadas, como e o caso das sociedades industriais, o que o leva a concluir que esse processo de individuação possibilitou a formação de uma moralidade do indivíduo. Com efeito, nas sociedades urbanoindustriais, os direitos individuais tendem a se alargar, levando 0 individuo gradualmente tomar consciência de si. Diferentemente das sociedades tradicionais oode a consciência coletiva submetia o indivíduo aos valores inquebrantaveis do grupo, no mundo contemporâneo este tende a atuação e a reflexão. Dentro dessa lógica, caberia ao sistema educativo reforçar os elementos dessa moralidade, contribuindo no sentido de liberaro individuo da inconsciência a qual estava submetido nos modelos sociais tradicionais.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.04.2008

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VARES, Sidnei Ferreira de; FRANCISCO, Maria de Fatima Simões. A educação moral em Émille Durkheim. 2008.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.
    • APA

      Vares, S. F. de, & Francisco, M. de F. S. (2008). A educação moral em Émille Durkheim. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Vares SF de, Francisco M de FS. A educação moral em Émille Durkheim. 2008 ;
    • Vancouver

      Vares SF de, Francisco M de FS. A educação moral em Émille Durkheim. 2008 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021