Exportar registro bibliográfico

Saúde oral e deglutição em idosos acometidos por acidente vascular encefálico (2011)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: MITUUTI, CLÁUDIA TIEMI - FOB
  • Unidades: FOB
  • Sigla do Departamento: BAF
  • Subjects: DEGLUTIÇÃO; TRANSTORNOS DE DEGLUTIÇÃO; ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL; SAÚDE BUCAL
  • Language: Português
  • Abstract: As condições dentárias e o uso de próteses mal adaptadas podem contribuir com as dificuldades decorrentes da velhice, as quais podem ser potencializadas por alterações neurológicas, resultando em quadros de disfagia, importante causa de morbidade e mortalidade nessa população. O objetivo do presente trabalho foi verificar se o acometimento cerebral crônico acarreta implicações na função da deglutição em idosos, como também se a condição de saúde oral apresenta relação com o grau de disfunção da deglutição orofaríngea, em idosos acometidos por Acidente Vascular Encefálico (AVE). Foram avaliados 30 idosos com idades entre 61 e 90 anos (mediana 73,5 anos), acometidos por AVE, sendo 15 homens e 15 mulheres. Os pacientes foram submetidos à avaliação odontológica quanto ao número de dentes cariados, perdidos e obturados, uso e condição das próteses, além de índices periodontal e de perda de inserção. Além diso foi aplicada a escala funcional de ingestão oral (FOIS) e realizada avaliação videoendoscópica da deglutição de alimentos de diferentes consistências. A partir dos resultados foram aplicados os testes de correlação de Spearman, para as associações, e o Kruskal Wallis para as comparações. Os indivíduos idosos pós-AVE desta pesquisa foram comparados a um grupo controle de 15 idosos saudáveis, tendo-se encontrado maior gravidade da disfagia para o grupo AVE para a consistência líquida (p=0,01). Especificamente para o grupo AVE houve correlação estatisticamente significante entre a classificação da escala FOIS e a necessidade de troca das próteses (p=0,02) e diferença entre grupos considerando diferentes tipos de prótese na deglutição de sólido (p=0,04). Devido à heterogeneidade da amostra, foram excluídos os dentados totais, desdentados totais sem reabilitação e indivíduos com mais de um episódio de AVE. Além disso, os mesmos (continua)(continuação) foram divididos de acordo com o lado do corpo comprometido (direito e esquerdo) após o acometimento cerebral, resultando em 19 indivíduos. Não foram encontradas diferenças no desempenho da deglutição entre os grupos de indivíduos com hemicorpo direito e esquerdo comprometidos. Houve correlação entre a necessidade de troca das próteses e a classificação na escala FOIS (p=0,01) para os indivíduos com hemicorpo direito comprometido, enquanto para os indivíduos com comprometimento em hemicorpo esquerdo, foi observada correlação entre a deglutição de líquido e o número de dentes presentes (p=0,05) e ausentes (p=0,05). Além disso, para os 19 indivíduos, como também para os com hemicorpo esquerdo comprometido, verificou-se que aqueles com prótese parcial no arco superior tiveram melhores classificações na escala FOIS em relação aos indivíduos com prótese total (p=0,01). Já para os indivíduos com o hemicorpo direito comprometido, essa diferença foi verificada em relação às próteses utilizadas no arco inferior (p=0,04). O acometimento cerebral crônico influenciou a gravidade da disfagia para a consistência líquida, não tendo sido encontrada implicações sobre o nível da ingestão oral, como também para o grau da disfagia orofaríngea para alimentos pastoso e sólido. Houve influência do número de dentes, tipo e necessidade de uso ou troca das próteses dentárias sobre a deglutição em indivíduos acometidos por AVE, principalmente quando houve melhor delineamento dos grupos de acordo com o hemicorpo comprometido.
  • Imprenta:
    • Place of publication: Bauru
    • Date published: 2011
  • Data da defesa: 26.05.2011
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MITUUTI, Cláudia Tiemi; BERRETIN-FELIX, Giédre. Saúde oral e deglutição em idosos acometidos por acidente vascular encefálico. 2011.Universidade de São Paulo, Bauru, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25143/tde-05122011-170111/publico/ClaudiaTiemiMituuti_Rev.pdf >.
    • APA

      Mituuti, C. T., & Berretin-Felix, G. (2011). Saúde oral e deglutição em idosos acometidos por acidente vascular encefálico. Universidade de São Paulo, Bauru. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25143/tde-05122011-170111/publico/ClaudiaTiemiMituuti_Rev.pdf
    • NLM

      Mituuti CT, Berretin-Felix G. Saúde oral e deglutição em idosos acometidos por acidente vascular encefálico [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25143/tde-05122011-170111/publico/ClaudiaTiemiMituuti_Rev.pdf
    • Vancouver

      Mituuti CT, Berretin-Felix G. Saúde oral e deglutição em idosos acometidos por acidente vascular encefálico [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25143/tde-05122011-170111/publico/ClaudiaTiemiMituuti_Rev.pdf


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020