Exportar registro bibliográfico


Metrics:

Ingestão habitual de nutrientes por adultos e idosos residentes no município de São Paulo (2011)

  • Authors:
  • Autor USP: MORIMOTO, JULIANA MASAMI - FSP
  • Unidade: FSP
  • Sigla do Departamento: HNT
  • DOI: 10.11606/T.6.2011.tde-01032011-133044
  • Subjects: CONSUMO DE ALIMENTOS (AVALIAÇÃO); INGESTÃO (PREVALÊNCIA); HÁBITOS ALIMENTARES (CARACTERÍSTICAS); DIETA (CARACTERÍSTICAS); NUTRIENTES (PARÂMETROS); SUJEITOS EXPERIMENTAIS (ASPECTOS SOCIOECONÔMICOS); ESTUDOS TRANSVERSAIS
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução O consumo alimentar está associado com prevenção ou com risco de doenças e por isso sua estimativa pode ser utilizada como importante fonte de informação para o planejamento de políticas públicas em nutrição. Objetivo Estudar a ingestão habitual de nutrientes em uma amostra representativa de adultos e idosos residentes no município de São Paulo, segundo características sociodemográficas. Métodos Estudo transversal, com amostra representativa da população de adultos e idosos do município de São Paulo, conduzido no ano de 2003 (ISA-2003). Foi coletado um recordatório alimentar de 24 horas (R24h) para cada participante (n=1663), além de dados socioeconômicos e antropométricos. A medida de variabilidade da ingestão foi calculada por meio de duas replicações do R24h em uma subamostra desta população, no ano de 2007 (ISA-2007). A ingestão habitual foi estimada por meio do método desenvolvido pelo Iowa State University no programa PC-SIDE. As prevalências de inadequação foram calculadas pelo método da EAR como ponto de corte, segundo sexo, escolaridade do chefe da família, escolaridade do indivíduo e estado nutricional, posteriormente comparados utilizando o teste de proporções. Foram calculadas as razões de variância intrapessoal sobre a interpessoal entre os sexos.Resultados As prevalências de inadequação mais elevadas foram relativas às vitamina A (67por cento e 58por cento), vitamina C (52por cento e 62por cento), tiamina (41por cento e 50por cento) e riboflavina (29por cento e 19por cento ), para o sexo masculino e feminino, respectivamente. A proporção de indivíduos com ingestão superior ao recomendado de cálcio foi menor que 2por cento e de sódio maior do que 99por cento . A prevalência de inadequação de vitaminas A, C, tiamina, riboflavina e niacina e dos minerais cobre, fósforo e selênio foi mais elevada entre os indivíduos com menor escolaridade, tanto do chefe da família como do indivíduo. Observaram-se diferenças nas frações das variâncias intrapessoais de alguns nutrientes segundo gênero. Conclusão Os adultos e idosos residentes do município de São Paulo apresentaram altas prevalências de inadequação na ingestão das vitaminas A, C, tiamina e riboflavina em ambos os sexos, principalmente entre os com menor escolaridade.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.02.2011
  • Acesso à fonteDOI
    Informações sobre o DOI: 10.11606/T.6.2011.tde-01032011-133044 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold
    • Licença: cc-by-nc-sa

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MORIMOTO, Juliana Masami; FISBERG, Regina Mara. Ingestão habitual de nutrientes por adultos e idosos residentes no município de São Paulo. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < https://doi.org/10.11606/T.6.2011.tde-01032011-133044 > DOI: 10.11606/T.6.2011.tde-01032011-133044.
    • APA

      Morimoto, J. M., & Fisberg, R. M. (2011). Ingestão habitual de nutrientes por adultos e idosos residentes no município de São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://doi.org/10.11606/T.6.2011.tde-01032011-133044
    • NLM

      Morimoto JM, Fisberg RM. Ingestão habitual de nutrientes por adultos e idosos residentes no município de São Paulo [Internet]. 2011 ;Available from: https://doi.org/10.11606/T.6.2011.tde-01032011-133044
    • Vancouver

      Morimoto JM, Fisberg RM. Ingestão habitual de nutrientes por adultos e idosos residentes no município de São Paulo [Internet]. 2011 ;Available from: https://doi.org/10.11606/T.6.2011.tde-01032011-133044

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021