Exportar registro bibliográfico

Papel da Dislipidemia na estrutura e função da Glândula Lacrimal, Glândula de Meibomius e Superfície Ocular em camundongos (2010)

  • Authors:
  • Autor USP: MÓDULO, CAROLINA MARIA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: ROO
  • Subjects: DISLIPIDEMIAS; APARELHO LACRIMAL; OLHO
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivo: A Dislipidemia é definida pela presença de altos níveis de lipídios ou lipoproteínas no sangue e é causada pela combinação de fatores genéticos e ambientais. Prévios estudos mostraram conflitos controvérsias na correlação entre a dislipidemia e a síndrome do olho seco. O objetivo do presente estudo foi investigar os achados funcionais e estruturais da síndrome do olho seco em animais dislipidêmicos com dieta normal ou dieta hiperlipídica. Métodos: Camundongos machos e fêmeas adultos (n = 5/grupo) que super-expressão a apoliproteína CIII (ApoCIII), knokout para ApoE (ApoEKO) com dieta normal e knokout para o receptor LDL com dieta normal (LDLRKO) e hiperlipídica (LDLRKO-hiper) foram comparados com seus respectivos controles C57BU6. Os animais foram anestesiados e avaliados pelo teste do fenol vermelho, exame da comea com lâmpada de fenda, citologia de impressão da córnea (CI). Amostras de sangue, da glândula lacrimal (GL), glândula de Meibomius (GM) e córnea também foram avaliadas. Resultados: O peso corpóreo e da glândula lacrimal foi maior em camundongos machos (P<0,05) quando comparados com as fêmeas. O peso corpóreo foi maior nos camundongos fêmeas controles do que nos camundongos fêmeas LDLRKO com dieta hiperlipídica (P=0.0043) e machos LDLRKO do que em fêmeas LDLRKO com dieta hiperlipídica (P=0.0016). O peso da glândula lacrimal foi maior em camundongos machos LDLRKO (P=0.0003), LDLRKO-hiper (P<0.0001), ApoE (P=0.0022) e Apo CIII (P=0.0116) do que em suas respectivas fêmeas. O teste do fenol vermelho foi menor em camundongos machos com dieta hiperlipídica do que em camundongos machos controle com dieta normal (P=0.0273). Exame da córnea, Cl e análises histológicas da GL, GM e córnea não mostram nenhuma diferença entre os grupos. Conclusões: Os presentes dados contradizem a hipótese de que a dislipidemia esteja envolvida com a síndrome do olho seco.Entretanto, o perfil da dieta associado ao aspecto genético e o sexo masculino tem impacto funcional na glândula lacrimal. Isto sugere que vários fatores estão envolvidos com a disfunção do filme lacrimal na dislipidemia
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 01.07.2010

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MÓDULO, Carolina Maria; ROCHA, Eduardo Melani. Papel da Dislipidemia na estrutura e função da Glândula Lacrimal, Glândula de Meibomius e Superfície Ocular em camundongos. 2010.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2010.
    • APA

      Módulo, C. M., & Rocha, E. M. (2010). Papel da Dislipidemia na estrutura e função da Glândula Lacrimal, Glândula de Meibomius e Superfície Ocular em camundongos. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Módulo CM, Rocha EM. Papel da Dislipidemia na estrutura e função da Glândula Lacrimal, Glândula de Meibomius e Superfície Ocular em camundongos. 2010 ;
    • Vancouver

      Módulo CM, Rocha EM. Papel da Dislipidemia na estrutura e função da Glândula Lacrimal, Glândula de Meibomius e Superfície Ocular em camundongos. 2010 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021