Exportar registro bibliográfico

Portadores de deficiência e integração entre profissionais (2009)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: FERNANDES, FABIANA PEDROSA - FOB ; MONDELLI, MARIA FERNANDA CAPOANI GARCIA - FOB ; LOPES, ANDRÉA CINTRA - FOB
  • Unidade: FOB
  • Subjects: MULTIDISCIPLINARIDADE; DEFICIENTE FÍSICO
  • Language: Português
  • Abstract: Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2000, que utilizou um conceito amplo e compatível com a Classificação Internacional de Funcionalidade, Incapacidade e Saúde (CIF), divulgada em 2001 pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para caracterizar as pessoas portadoras de deficiência em diversos graus de severidade nas incapacidades e deficiências, aproximadamente 24,6 milhões de pessoas, ou 14,5% da população total brasileira, apresentaram algum tipo de incapacidade ou deficiência. Constatou-se que a proporção de pessoas portadoras de deficiências aumenta com a idade, pois à medida que a estrutura da população está mais envelhecida, a proporção de pessoas portadoras de deficiência aumenta, passando de 4,3% nas crianças até 14 anos, para 54% do total das pessoas com idade superior a 65 anos. Dentre os 16,6 milhões de pessoas com algum grau dessa deficiência, 150 mil declararam-se deficientes visuais. Entre os dados referentes à deficiência auditiva, um pouco menos de 170 mil se declararam surdos, dentre os 5,7 milhões de brasileiros com algum grau dessa deficiência. A deficiência ou perda auditiva é uma desvantagem do ser humano que pode levá-lo ao atraso no desenvolvimento da fala e da linguagem, problemas sociais e emocionais, bem como ao fracasso escolar. Esses problemas podem ser minimizados com um tratamento adequado que pode reduzir significativamente essa incapacidade, promover a inclusão social e proporcionaruma melhor qualidade de vida aos portadores dessa deficiência. Como o Brasil é reconhecido internacionalmente por sua atuação no campo dos Direitos Humanos, preocupado com valores como o da dignidade, da cidadania e do combate à discriminação, tem uma legislação que é considerada uma das melhores do mundo em relação aos portadores de deficiência e sua inclusão. (continua) ) Além da legislação, o Brasil ratificou a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, que foi adotada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 13/12/2006, cujo objetivo é promover, defender e garantir condições de vida com dignidade e a emancipação dos cidadãos do mundo que apresentam alguma deficiência, tendo sido elevado à categoria de tratado internacional. Com a ratificação da Convenção pelo Congresso Nacional em 09/07/2008, pelo Decreto Legislativo nº 186/2008, o Brasil assumiu o compromisso com a Convenção tanto no cenário internacional como no interno. Mesmo a legislação brasileira e mundial serem consideradas muito desenvolvidas, seu maior conhecimento, acesso e aplicação estão restritos aos profissionais da área Jurídica. Uma maior integração entre os profissionais da área Jurídica e da área da Saúde torna-se necessária, pois os conhecimentos desses profissionais em relação ao portador de deficiência são de total importância quando da garantia e defesa de seus direitos. Para o profissional da saúde, em especial o Fonoaudiólogo da área de Audiologia, o conhecimento dosdireitos e garantias dos portadores de deficiência e como assegurá-los é de fundamental importância, pois quando seleciona um aparelho que ameniza o sofrimento do portador de deficiência, mas devido ao custo elevado, ele não possa adquiri-lo, deve saber como orientá-lo para garantir seu fornecimento pelo Estado, o que lhe garantirá uma vida mais digna, com melhor qualidade
  • Imprenta:
  • Source:
  • Conference titles: Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MORAES, Luiz Eduardo de; FERNANDES, Fabiana Pedrosa; LOPES, Andréa Cintra; MONDELLI, Maria Fernanda Capoani Garcia. Portadores de deficiência e integração entre profissionais. Anais.. São Paulo: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, 2009.
    • APA

      Moraes, L. E. de, Fernandes, F. P., Lopes, A. C., & Mondelli, M. F. C. G. (2009). Portadores de deficiência e integração entre profissionais. In Anais. São Paulo: Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia.
    • NLM

      Moraes LE de, Fernandes FP, Lopes AC, Mondelli MFCG. Portadores de deficiência e integração entre profissionais. Anais. 2009 ;
    • Vancouver

      Moraes LE de, Fernandes FP, Lopes AC, Mondelli MFCG. Portadores de deficiência e integração entre profissionais. Anais. 2009 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020