Exportar registro bibliográfico

Estudo dos efeitos do monossialogangliosídio (GM1) e da câmara de oxigenoterapia hiperbárica na lesão medular aguda em ratos (2009)

  • Authors:
  • Autor USP: MARCON, RAPHAEL MARTUS - FM
  • Unidade: FM
  • Sigla do Departamento: MOT
  • Subjects: TRAUMATISMOS DA MEDULA ESPINHAL; OXIGENOTERAPIA
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos do monossialgangliosídio (GM1), da câmara de oxigenoterapia hiperbárica e de ambos no tratamento da lesão medular experimental em ratos. Trinta e dois ratos Wistar com lesão medular foram divididos em 4 grupos: um recebeu o monossialogangliosídio (GM1), um segundo foi submetido à oxigenoterapia hiperbárica, um terceiro recebeu os dois tratamentos e um quarto não recebeu tratamento (controle). Não houve diferença significativa entre os grupos na análise histológica, em todas as variáveis (necrose, hemorragia, hiperemia e degeneraçãso cística, p>0,06). Também não houve nenhuma diferença na comparação entre os lados direito e esquerdo nos testes funcionais (p>0,06 para todos). Não foram encontradas diferenças nos testes motores, na comparação entre os grupos após 2,7 21 e 28 dias de lesão medular. Mas, na avaliação após 14 dias, o Grupo 3, o qual recebeu a terapia combinada, mostrou um escore BBB significativamente maior que os outros grupos (p=0,015). Na avaliação de 28 dias, houve um tendência dos Grupos 1 (GM1) e 3 (terapia combinada) apresentarem um escore BBB maior que o Grupo 4 (controle), embora sem significância estatística (p=0,057). Conclui-se que, quanto aos índices motores, a utilização do GM-1 tem efeito benéfico embora sem diferença estatisticamente significante e que o efeito benéfico do GM-1 é antecipado através da utilização concomitante da oxigenoterapia hiperbárica
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.12.2009
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MARCON, Raphael Martus; CRISTANTE, Alexandre Fogaça. Estudo dos efeitos do monossialogangliosídio (GM1) e da câmara de oxigenoterapia hiperbárica na lesão medular aguda em ratos. 2009.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-08032010-103409/ >.
    • APA

      Marcon, R. M., & Cristante, A. F. (2009). Estudo dos efeitos do monossialogangliosídio (GM1) e da câmara de oxigenoterapia hiperbárica na lesão medular aguda em ratos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-08032010-103409/
    • NLM

      Marcon RM, Cristante AF. Estudo dos efeitos do monossialogangliosídio (GM1) e da câmara de oxigenoterapia hiperbárica na lesão medular aguda em ratos [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-08032010-103409/
    • Vancouver

      Marcon RM, Cristante AF. Estudo dos efeitos do monossialogangliosídio (GM1) e da câmara de oxigenoterapia hiperbárica na lesão medular aguda em ratos [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/5/5140/tde-08032010-103409/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021