Exportar registro bibliográfico

Cultura e juventude: a formação dos jovens nos Pontos de Cultura (2009)

  • Authors:
  • Autor USP: VILUTIS, LUANA - FE
  • Unidade: FE
  • Sigla do Departamento: EDA
  • Subjects: CULTURA (EDUCAÇÃO); JOVENS (EDUCAÇÃO); POLÍTICAS PÚBLICAS (ASPECTOS CULTURAIS); DIVERSIDADE CULTURAL; TRABALHO
  • Language: Português
  • Abstract: Esta pesquisa tem como objetivo identificar a relação entre o acesso à cultura, o processo pedagógico de formação de jovens e sua inserção comunitária. Para tanto, baseamos este estudo na experiência de jovens que participaram da formação realizada em Pontos de Cultura, instituições contempladas no programa Nacional de Cultura, Educação e Cidadania - Cultura Viva e que implementaram a ação Agente Cultura Viva. Situamos esse programa na cena pública cultural brasileira do período de 2003 a 2008, marcada pelo debate sobre a formulação de políticas de valorização da diversidade de expressões culturais. Para fundamentar a análise desta pesquisa, partimos da compreensão de que a cidadania cultural e o direito à cultura são pressupostos da pluralidade da criação cultural. É nesse contexto de interculturalidade que os agentes mediadores de cultura assumem papel relevante para o desenvolvimento da ação cultural, pois são sujeitos que circulam por diferentes espaços, transitam em contextos variados e participam de iniciativas diversas. A prática educativa dos jovens estudados se constituiu em uma ação problematizadora e organizadora da experiência cultural que potencializa as escolhas dos jovens em termos de seu trabalho e da expressão de sua identidade. O trabalho de campo foi realizado nos anos de 2007 e 2008 e reuniu entrevistas com 17 jovens homens e mulheres que participaram da formação da ação Agente Cultura Viva em dois Pontos de Cultura da Zona Lesteda cidade de São Paulo. É possível identificar recorrências nos relatos dos jovens entrevistados, que revelam o significado do processo de formação marcado pela experimentação de diversas linguagens estéticas, pela vivência intergeracional e pela convivência comunitária. Essas ações, por sua vez, estimularam a ampliação do espaço público de fruição cultural e a sociabilidade criadora, que impulsiona o trabalho coletivo e ) juvenil de criação. Do ponto de vista teórico, este estudo foi orientado pela categoria de ação cultural de Paulo Freire, em diálogo com as abordagens de Teixeira Coelho. O estudo do direito à cultura e da política cultural teve como subsídio a leitura de instrumentos legais, normas jurídicas e declarações internacionais sobre a temática. A análise das entrevistas, por sua vez, se apoiou na noção de mediadores desenvolvida por François Dubet para a compreensão do papel desenvolvido pelos jovens agentes culturais.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 18.03.2009
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VILUTIS, Luana; GADOTTI, Moacir. Cultura e juventude: a formação dos jovens nos Pontos de Cultura. 2009.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-23092009-132908/ >.
    • APA

      Vilutis, L., & Gadotti, M. (2009). Cultura e juventude: a formação dos jovens nos Pontos de Cultura. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-23092009-132908/
    • NLM

      Vilutis L, Gadotti M. Cultura e juventude: a formação dos jovens nos Pontos de Cultura [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-23092009-132908/
    • Vancouver

      Vilutis L, Gadotti M. Cultura e juventude: a formação dos jovens nos Pontos de Cultura [Internet]. 2009 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-23092009-132908/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021