Exportar registro bibliográfico

Utilização de dieta restrita em carboidratos para perda de peso a curto prazo, em mulheres obesas (2009)

  • Authors:
  • Autor USP: MELO, ANDRESA DE TOLEDO TRIFFONI - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: DIETOTERAPIA; OBESIDADE; DOENÇAS METABÓLICAS
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo do presente estudo foi avaliar a eficácia de uma dieta hipocalórica restrita em carboidratos para a perda de peso em curto prazo em mulheres obesas grau III, e os seus efeitos metabólicos, comparando-os com uma dieta hipocalórica convencional. Participaram do estudo dezenove mulheres com índice de massa corporal (IMC) maior que 40 kg/ 'm POT.2' e idade entre 20 e 50 anos, sem diabetes mellitus. As participantes permaneceram internadas na Unidade Metabólica (Divisão de Nutrologia) do Departamento de Clínica Médica do HCFMRP-USP por um período de 7 dias. As pacientes foram divididas em dois grupos: o experimental (n=10), submetido à dieta hipocalórica restrita em carboidratos (1200 kcal com 45g de carboidrato, 105g de proteína e 67g de lipídeo) e o controle (n=9), que recebeu a dieta hipocalórica convencional (padrão do hospital com 1200 kcal, 171g de carboidrato, 74g de proteína e 32g de lipídeo). No início e no final do estudo foram avaliados os seguintes parâmetros: medidas antropométricas (peso, IMC, circunferências de braço, abdominal e quadril), bioimpedância (massa gorda e massa magra), calorimetria indireta (gasto energético de repouso), oxidação de substratos e exames bioquímicos (glicemia de jejum, acetona plasmática, insulina basal e índice HOMA-IR, gasometria venosa, colesterol total e frações, albumina, proteínas totais e nitrogênio e acetona urinários, pela urina de 24 horas). A dieta hipocalórica restrita em carboidrato apresentouperda de peso média significativamente maior do que a dieta hipocalórica convencional (4,4 kg e 2,6 kg, respectivamente; p=0,01), além de maior redução nas circunferências abdominais (p<0,01). As medidas de circunferência do braço, do quadril, o gasto energético de repouso, a massa gorda e a massa magra não apresentaram diferenças significativas entre os grupos. Dos indicadores bioquímicos apenas as acetonas plasmática e urinária mostraram diferença entre os grupos (p<0,01), sendo maior com a dieta hipocalórica restrita em carboidratos. No grupo experimental houve redução significativa nos níveis de triglicérides e na oxidação de carboidratos e, aumento significativo na oxidação de lipídeos. Os resultados encontrados neste estudo permitem afirmar que a dieta hipocalórica restrita em carboidratos é mais eficaz que a dieta hipocalórica convencional, quando usada por curto prazo, para a perda de peso e redução das medidas de circunferências abdominais, sem apresentar risco metabólico
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.07.2009

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TRIFFONI-MELO, Andresa de Toledo; DIEZ-GARCIA, Rosa Wanda. Utilização de dieta restrita em carboidratos para perda de peso a curto prazo, em mulheres obesas. 2009.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2009.
    • APA

      Triffoni-Melo, A. de T., & Diez-Garcia, R. W. (2009). Utilização de dieta restrita em carboidratos para perda de peso a curto prazo, em mulheres obesas. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Triffoni-Melo A de T, Diez-Garcia RW. Utilização de dieta restrita em carboidratos para perda de peso a curto prazo, em mulheres obesas. 2009 ;
    • Vancouver

      Triffoni-Melo A de T, Diez-Garcia RW. Utilização de dieta restrita em carboidratos para perda de peso a curto prazo, em mulheres obesas. 2009 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020