Exportar registro bibliográfico

A segmentação da língua de sinais brasileira (libras): um estudo lingüístico descritivo a partir da conversação espontânea entre surdos (2008)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: LEITE, TARCISIO DE ARANTES - FFLCH
  • Unidades: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLM
  • Subjects: LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS; CONVERSAÇÃO
  • Language: Português
  • Abstract: A presente tese consiste numa pesquisa de caráter lingüístico descritivo. O objetivo é o de oferecer critérios para a segmentação do discurso na língua de sinais brasileira (libras) em unidades gramaticais. Duas linhas teóricas contribuíram para este projeto de forma crucial: a análise da conversa de base etnometodológica e a gramática baseada no uso. A análise da conversa, ao observar o modo como os próprios participantes se orientam uns em relação aos outros na interação, revela uma visão dos recursos gramaticais como práticas sociais voltadas à realização e coordenação de ações sociais na conversação. A gramática baseada no uso, ao explorar as relações entre língua, cognição e interação, revela o importante papel da prosódia e da gestualidade para o estabelecimento da atenção conjunta na interação. Na constituição do corpus, díades formadas por surdos adultos fluentes em libras foram gravadas num estúdio, com iluminação e câmeras posicionadas de modo a captar o rosto e o espaço de sinalização dos falantes, além de ambos em perfil. Um trecho da gravação foi selecionado para ser transcrito e utilizado como ponto de referência principal da análise, que envolveu duas etapas distintas. Na primeira fase, é demonstrado que o princípio do um-de-cada-vez, uma manifestação da atenção conjunta no nível do discurso, também se mostra operante numa língua de modalidade gestual-visual como a libras. Na segunda fase, uma análise sobre a segmentação interna dos turnos de falasinalizados é realizada por meio da )combinação de uma abordagem com foco nas unidades entoacionais do discurso, e uma abordagem com foco em práticas estruturadas do discurso, tais como listas e contrastes. As principais contribuições que resultaram do trabalho foram: i) um repertório sistematizado de recursos manuais e não-manuais da libras que pode servir como ponto de referência inicial para a segmentação do discurso espontâneo em unidades gramaticais; e ii) uma abordagem para a segmentação do discurso que, em futuras investigações, poderá permitir um maior aprofundamento de nosso conhecimento acerca dos recursos prosódicos da libras
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.06.2008
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LEITE, Tarcísio de Arantes; MCCLEARY, Leland Emerson. A segmentação da língua de sinais brasileira (libras): um estudo lingüístico descritivo a partir da conversação espontânea entre surdos. 2008.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8147/tde-25092008-160005/ >.
    • APA

      Leite, T. de A., & McCleary, L. E. (2008). A segmentação da língua de sinais brasileira (libras): um estudo lingüístico descritivo a partir da conversação espontânea entre surdos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8147/tde-25092008-160005/
    • NLM

      Leite T de A, McCleary LE. A segmentação da língua de sinais brasileira (libras): um estudo lingüístico descritivo a partir da conversação espontânea entre surdos [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8147/tde-25092008-160005/
    • Vancouver

      Leite T de A, McCleary LE. A segmentação da língua de sinais brasileira (libras): um estudo lingüístico descritivo a partir da conversação espontânea entre surdos [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8147/tde-25092008-160005/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020