Exportar registro bibliográfico

Propriedades antioxidantes de clones do pedúnculo de caju (Anacardium occidentale L.):: efeito sobre a lipoperoxidação e enzimas participantes do sistema antioxidante de defesa do organismo animal (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: ANDRADE-WARTHA, ELMA REGINA SILVA DE - FCF
  • Unidade: FCF
  • Sigla do Departamento: FBA
  • Subjects: NUTRIÇÃO; ANTIOXIDANTES (PROPRIEDADES); CAJU (ANÁLISE)
  • Language: Português
  • Abstract: segundo, demonstraram fatores de proteção superior ao antioxidante sintético BHT. Pôde-se também verificar a capacidade antioxidante dos extratos e frações do clone CCP-76 no sistema de varredura do radical DPPH. Em ensaio experimental com ratos, em condição normal, foi ) administrado EAq (80 e 240 mg/kg, v.o.) ou fração de ácidos fenólicos livres (40 e 120 mg/kg, v.o.) obtidos do pedúnculo de caju CCP-76. Neste estudo, não se observou potencialização de todos os antioxidantes enzimáticos (superóxido dismutase, catalase e glutationas peroxidase e redutase), contudo pôde-se verificar a redução dos níveis de lipoperoxidação no tecido cerebral dando indícios de aumento do estado antioxidante nos animais. Também foi avaliado o potencial antioxidante do EAq e da fração de ácidos fenólicos livres sobre o dano hepático em ratos tratados com tetracloreto ('CCI IND.4') de carbono. A administração deste teve seu efeito corroborado pela avaliação dos parâmetros bioquímicos, ou seja, aumento exacerbado das enzimas hepáticas no plasma: alanina transaminase (ALT) e aspartato transaminase (AST); decréscimo das atividades da enzimas antioxidantes no fígado e elevação da produção de peróxidos lipídicos no tecido hepático. Nos ratos que receberam EAq (480 mg/kg, v.o.) não se observou alteração comparando-os aos animais tratados apenas com 'CCI IND.4'. No entanto, a administração de fração de ácidos fenólicos livres, nas duas doses (40 e 120 mg/kg, v.o.), evidenciou pronunciadoefeito contra a lesão hepática, com níveis reduzidos de ALT e AST plasmáticas, aumento da atividade das enzimas antioxidantes no fígado e prevenindo a lipoperoxidação hepática mediada pelo radical 'CCI IND.3' a partir do 'CCI IND.4'. Estudos histológicos do tecido hepático confirmaram as avaliações bioquímicas exibindo preservação tecidual, supressão de degeneração vacuolar macro e microgoticular e de sinais necróticos nos ratos tratados com a fração de ácidos fenólicos livres do pedúnculo de cajuOs compostos fenólicos são substâncias amplamente distribuídas no reino vegetal, em particular nas frutas e em outros vegetais. Estes compostos, destacando-se flavonóides e os ácidos fenólicos, devido à estrutura molecular, podem apresentar a capacidade de inibir processos oxidativos. Além do mais, estão relacionados com a redução de risco de doenças crônicas não transmissíveis tais como: cardiovasculares, câncer, aterosclerose, entre outras. Considerando a elevada produção de caju em território brasileiro e a possibilidade da existência de compostos com potencial antioxidante no pedúnculo de caju, este trabalho teve por objetivo avaliar quantitativa e qualitativamente os compostos fenólicos, particularmente os ácidos fenólicos, e identificar a participação destes em processos metabólicos do organismo animal. Foram caracterizados quimicamente três clones distintos de pedúnculos de caju (CCP-76, CCP-09, BRS-189 e CCP-76 tratado) e na análise química, apresentaram um elevado teor de ácidos graxos monoinsaturados, predominando o ácido oléico, e de fenólicos totais. Os ácidos fenólicos identificados foram: gálico, protocatecuíco, 'rô'-cumárico, ferúlico, caféico e salicílico. Foram obtidos extratos aquoso (EAq) e alcoólico (EAlc) e frações de ácidos fenólicos a partir dos pedúnculos e, avaliados em sistemas modelo 'beta'-caroteno/ácidolinoléico e em Rancimat As frações de ácidos fenólicos exibiram expressiva atividade antioxidante no primeiro sistema e os extratos, no
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.09.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ANDRADE-WARTHA, Elma Regina Silva de; MANCINI-FILHO, Jorge. Propriedades antioxidantes de clones do pedúnculo de caju (Anacardium occidentale L.):: efeito sobre a lipoperoxidação e enzimas participantes do sistema antioxidante de defesa do organismo animal. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9131/tde-08062017-112859/pt-br.php >.
    • APA

      Andrade-Wartha, E. R. S. de, & Mancini-Filho, J. (2007). Propriedades antioxidantes de clones do pedúnculo de caju (Anacardium occidentale L.):: efeito sobre a lipoperoxidação e enzimas participantes do sistema antioxidante de defesa do organismo animal. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9131/tde-08062017-112859/pt-br.php
    • NLM

      Andrade-Wartha ERS de, Mancini-Filho J. Propriedades antioxidantes de clones do pedúnculo de caju (Anacardium occidentale L.):: efeito sobre a lipoperoxidação e enzimas participantes do sistema antioxidante de defesa do organismo animal [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9131/tde-08062017-112859/pt-br.php
    • Vancouver

      Andrade-Wartha ERS de, Mancini-Filho J. Propriedades antioxidantes de clones do pedúnculo de caju (Anacardium occidentale L.):: efeito sobre a lipoperoxidação e enzimas participantes do sistema antioxidante de defesa do organismo animal [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9131/tde-08062017-112859/pt-br.php


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021