Exportar registro bibliográfico

Desgaste e fadiga térmica de ligas "aço matriz + NbC" (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVA, PAULA FERNANDA DA - EP
  • Unidade: EP
  • Sigla do Departamento: PMT
  • Subjects: AÇO RÁPIDO; DESGASTE ABRASIVO
  • Language: Português
  • Abstract: Utilizou-se o conceito de "aço matriz + NbC" para produzir ligas com a matriz do aço rápido M2 (0,5%C - 2%W - 3%Mo - 4,6%Cr - 1%V) e variadas frações volumétricas de carbonetos de nióbio. Adicionou-se 2,5 e 5% de nióbio e carbono estequiométrico para a obtenção de carbonetos NbC e titânio (0,1%) para modificação da morfologia dos carbonetos NbC. Os carbonetos NbC apresentaram-se como carbonetos eutéticos com morfologia de escrita chinesa, como carbonetos primários com a morfologia de cruz de malta e como carbonetos eutéticos e primários com morfologia poligonal, estes últimos modificados com a adição de titânio. Após tratamento térmico de têmpera e revenimento para obtenção da máxima dureza, as ligas foram submetidas a ensaios de fadiga térmica (100 ciclos, 650°C), de abrasão (roda de borracha - 130N, 200rpm, 30min, hematita como abrasivo) e de deslizamento alternado (disco contra esfera - 70,6N, amplitude: 6mm, freqüência, 6 Hz, 2h) para estudar o efeito da fração volumétrica e da morfologia dos carbonetos frente a estas solicitações. As ligas com carbonetos com morfologia poligonal e menor fração volumétrica de carbonetos (comparando-se morfologias iguais) apresentaram o melhor desempenho sob fadiga térmica devido ao baixo valor do parâmetro C/Dm da microestrutura (continuidade de carbonetos/distância livre média entre carbonetos). Os corpos-de-prova foram caracterizados por meio de microscopia ótica e eletrônica de varredura para determinar os sítios de nucleação e caminhos de propagação das trincas. Nos ensaios em roda de borracha as ligas com carbonetos eutéticos divorciados com morfologia poligonal apresentaram maior resistência ao desgaste do que os aços contendo carbonetos eutéticos cooperativos.O aumento da fração volumétrica de carbonetos NbC teve um máximo na resistência a abrasão e depois uma queda devido a presença de carbonetos primários grosseiros que fraturaram na superfície ensaiada e foram arrancados aumentando a perda de massa. Nos ensaios de deslizamento alternado não foi possível hierarquizar o comportamento das ligas. Os corpos-de-prova de abrasão e de deslizamento foram caracterizados por microscopia ótica e eletrônica de varredura para determinar os mecanismos de desgaste atuantes. Um aço rápido para cilindros de laminação a quente (2%C - 5%Cr - 5%Mo - 5%V) foi ensaiado sob condições idênticas às aplicadas às ligas estudadas, objetivando comparar desempenhos. O aço rápido apresentou desempenho superior nos ensaios de abrasão e de deslizamento alternado (devido a alta fração volumétrica de carbonetos eutéticos) e inferior no ensaio de fadiga térmica (devido ao alto parâmetro C/Dm da microestrutura oriundo da alta fração volumétrica de carbonetos eutéticos).
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.11.2006
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Paula Fernanda da; BOCCALINI JÚNIOR, Mário. Desgaste e fadiga térmica de ligas "aço matriz + NbC". 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3133/tde-13032007-170403/ >.
    • APA

      Silva, P. F. da, & Boccalini Júnior, M. (2006). Desgaste e fadiga térmica de ligas "aço matriz + NbC". Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3133/tde-13032007-170403/
    • NLM

      Silva PF da, Boccalini Júnior M. Desgaste e fadiga térmica de ligas "aço matriz + NbC" [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3133/tde-13032007-170403/
    • Vancouver

      Silva PF da, Boccalini Júnior M. Desgaste e fadiga térmica de ligas "aço matriz + NbC" [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3133/tde-13032007-170403/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021