Exportar registro bibliográfico

Modelo explicativo da adesão às precauções-padrão: construção e aplicação (2003)

  • Authors:
  • Autor USP: BREVIDELLI, MARIA MEIMEI - EE
  • Unidade: EE
  • Sigla do Departamento: ENC
  • Subjects: RISCOS OCUPACIONAIS; SAÚDE OCUPACIONAL; SEGURANÇA DO TRABALHO; PROFISSIONAIS DA SAÚDE
  • Language: Português
  • Abstract: A exposição ocupacional a material biológico é uma das questões mais proeminentes na área da Saúde e Segurança Ocupacional, pois coloca o profissional de saúde em risco de adquirir infecções transmitidas por via sanguínea. Há mais de uma década, esforços têm sido dirigidos para incentivar as medidas preventivas, denominadas, inicialmente, precauções universais (PU) e, posteriormente, precauções-padrão (PP). Entretanto, universalmente estudos têm demonstrado níveis insatisfatórios de adesão às recomendações das PP. A revisão da literatura aponta para a análise dos fatores que interferem na tomada de decisão dos profissionais de saúde baseada em três dimensões: indivíduo, trabalho e organização. Fundamentados nessa premissa, desenvolvemos um modelo teórico explicativo da adesão às precauções-padrão para identificar a influência dos fatores individuais, relativos ao trabalho e organizacionais. A aplicação desse modelo em 270 profissionais médicos e de enfermagem de um hospital universitário revelou importantes diferenças entre os dois grupos profissionais: (1) os profissionais de enfermagem relataram níveis significativamente maiores de adesão às recomendações para "seguir as PP com todos os pacientes", "lavar as mãos após retirar luvas", "usar avental protetor", e ao conjunto de itens relacionados à manipulação e descarte de objetos perfurocortantes; (2) os profissionais de enfermagem relataram perceber mais intensamente os aspectos organizacionais de apoioa adoção das precauções-padrão; (3) os fatores individuais, relativos ao trabalho e organizacionais explicaram 38,5% do índice global de adesão; (4) o índice global de adesão foi explicado por pertencer ao grupo profissional de médicos; ter recebido treinamento em PP; perceber menos intensamente os obstáculos para seguir as PP; perceber mais intensamente a carga de trabalho, o feedback das práticas de segurança, e as ações gerenciais de apoio à segurança. ) Os resultados obtidos possibilitaram a discussão de um programa para o gerenciamento dos riscos ocupacionais relacionados à exposição a material biológico cujas diretrizes foram assim definidas: (1) educação para consciência; (2) controle de engenharia; (3) controle das práticas de trabalho
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 22.04.2003

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BREVIDELLI, Maria Meimei; CIANCIARULLO, Tamara Iwanow. Modelo explicativo da adesão às precauções-padrão: construção e aplicação. 2003.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2003.
    • APA

      Brevidelli, M. M., & Cianciarullo, T. I. (2003). Modelo explicativo da adesão às precauções-padrão: construção e aplicação. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Brevidelli MM, Cianciarullo TI. Modelo explicativo da adesão às precauções-padrão: construção e aplicação. 2003 ;
    • Vancouver

      Brevidelli MM, Cianciarullo TI. Modelo explicativo da adesão às precauções-padrão: construção e aplicação. 2003 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021