Exportar registro bibliográfico

Estudo da retração em argamassa com cimento de escória ativada (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: MELO NETO, ANTONIO ACACIO DE - EP
  • Unidade: EP
  • Sigla do Departamento: PCC
  • Subjects: ESCÓRIA; CIMENTO; ALTOS FORNOS
  • Language: Português
  • Abstract: O uso de escória de alto forno como aglomerante alternativo ao cimento portland tem sido objeto de vários estudos no Brasil e no exterior. Além de representar vantagens ao meio ambiente por ser um resíduo, a escória apresenta boas possibilidades de emprego, principalmente pelo baixo custo e por suas vantagens técnicas das quais se destacam a elevada resistência mecânica, a boa durabilidade em meios agressivos, o baixo calor de hidratação. No entanto, o emprego deste material carece de estudos detalhados da retração, muito superior à do cimento portland. Este trabalho teve como objetivo estudar a cinética das retrações autógena e por secagem não restringidas do cimento de escória ativada em função, principalmente, do tipo e teor de ativadores empregados. Para a retração autógena, o corpo-de-prova foi selado com papel alumínio protegido internamente com plástico. As medidas estenderam-se de 6 horas até 112 dias. O fenômeno da retração também foi analisado com base nos resultados dos ensaios de porosimetria, calorimetria, termogravimetria e difração de raios X. Foram empregados como ativadores: silicato de sódio, cal hidratada + gipsita, cal hidratada e hidróxido de sódio. Como referência foi adotado o cimento portland da alta resistência inicial CPV-ARI. De acordo com os resultados obtidos, a ativação da escória com silicato de sódio apresentou retração por secagem e autógena superior à apresentada pelos demais ativadores e pelo cimento portland. A maior parte dessaretração medida ocorre até os 7 dias. A retração por secagem ocorre em dois estágios: o primeiro logo após a desmoldagem e o segundo a partir do início da formação dos produtos hidratados. O início da retração autógena coincide com o segundo estágio da retração por secagem. ) Com base nos ensaios de microestrutura, são determinantes para a elevada retração do cimento de escória ativada com silicato de sódio: a baixa porosidade, caracterizada pela predominância quase total de mesoporos; o elevado grau de hidratação e natureza dos produtos hidratados, com predominância quase total de silicato cálcio hidratado (C-S-H). Na ativação com cal e com cal mais gipsita, a composição diferente dos produtos hidratados (baixa formação de C-S-H e presença significativa de fases aluminato e sulfoluminato, respectivamente) altera a porosidade e a retração, principalmente a autógena que apresenta valores inferiores à do cimento portland. A ativação com hidróxido sódio é caracterizada pela elevada retração autógena e baixa formação de C-S-H, com presença significativa de fases aluminato
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.11.2002
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MELO NETO, Antônio Acacio de; REPETTE, Wellington Longuini. Estudo da retração em argamassa com cimento de escória ativada. 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-05022003-114904/ >.
    • APA

      Melo Neto, A. A. de, & Repette, W. L. (2002). Estudo da retração em argamassa com cimento de escória ativada. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-05022003-114904/
    • NLM

      Melo Neto AA de, Repette WL. Estudo da retração em argamassa com cimento de escória ativada [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-05022003-114904/
    • Vancouver

      Melo Neto AA de, Repette WL. Estudo da retração em argamassa com cimento de escória ativada [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-05022003-114904/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021