Exportar registro bibliográfico

Efeito de duas dietas a base de leite humano enriquecidas com "complemento especial" ou "fórmula especial para prematuros" sobre o crescimento e o metabolismo ósseo de recém-nascido até 1500g (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: GONCALVES, ANA BEATRIZ - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RPP
  • Subjects: RECÉM-NASCIDO (CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO); SUBSTITUTOS DO LEITE HUMANO
  • Language: Português
  • Abstract: INTRODUÇÃO: A adequada alimentação do recém-nascido de muito baixo peso (PN = 1500g) é fundamental para o bom crescimento e desenvolvimento dessas crianças, para sua maturação orgânica e funcional, inclusive sua mineralização óssea. O leite humano (LH) é insuperável na nutrição de recém-nascidos a termo, mas não supre as necessidades calóricas, protéicas e minerais desses prematuros, expondo-os a maior tempo de internação hospitalar, hipoalbuminemia, hipofosfatemia e osteopenia. Assim, foram desenvolvidas fórmulas lácteas infantis especiais para prematuros (FEPT), bem como aditivos ou "fortificadores" para o leite humano, visando adequá-lo a essas crianças. OBJETIVOS: Comparar a eficácia e tolerabilidade de 2 dietas a base de leite humano adicionado com FEPT ou "fortificador" na promoção do crescimento pôndero-estatural, na mineralização óssea e no tempo da hospitalização de recém-nascidos de muito baixo peso. CASUÍSTICA E MÉTODO: Foram constituídos, por sorteio, 2 grupos de crianças, a saber: -Grupo A -14 crianças com dieta de LH + FM85; Grupo B -11 crianças com LH + FEPT, volume a volume, a partir do 15º dia de vida, até atingir o peso de alta (2000g ± 20g). Os índices antropométricos medidos foram: peso, comprimento e perímetro cefálico ao nascer, no início (15 dias de vida) e na alta; prega cutânea tricipital média (15 dias e alta) calculando-se os incrementos de peso do nascimento à alta e no período de observação, em g/dia e g/Kg/dia. Foram feitas dosagens nosangue de cálcio, fósforo, magnésio, fosfatase alcalina, creatinina e na urina de cálcio, fósforo, magnésio e creatinina, calculando-se as taxas de reabsorção tubular de fósforo, para avaliar as repercussões das dietas sobre o metabolismo ósseo. A mineralização óssea foi avaliada através de técnicas radiológicas padronizadas RESULTADOS OS grupos terminaram com 11 crianças cada, tendo sido excluídas 3 do Grupo A - uma por enterocolite necrosante ) (ECN), 1 com suspeita de ECN e 1 com PCA descompensado e restrição hídrica. Os índices antropométricos, os níveis séricos de cálcio, fósforo, magnésio e fosfatase alcalina não apresentaram diferenças estatisticamente significantes entre os 2 grupos ao nascer e/ou no início da observação. Os incrementos de peso (g/dia e g/Kg/dia) das crianças do Grupo B foram significativamente superiores aos do grupo A e a fosfatase alcalina sérica do Grupo A foi maior que do Grupo B (p < 0,05) no final da observação. Não houve diferenças significativas entre os 2 grupos quanto às taxas de reabsorção de tubular de fósforo; à avaliação radiológica da mineralização óssea e ao tempo de hospitalização. DISCUSSÃO: A suplementação do LH com o "fortificador" FM85® e a mistura v/v de LH com FEPT/PRENAN(R) foi bem tolerada pelas crianças dos 2 grupos, com taxas médias de ganho ponderal acima de 20g/dia, com ligeira mas significante superioridade do LH + FEPT (Grupo B), sem que isso tivesse resultado em tempo médio significativamente menor deinternação. A mineralização óssea em ambos os grupos foi satisfatória, apesar dos níveis da fosfatase alcalina sérica terem sido significativamente mais elevados no Grupo A, sugerindo menor adequação desta dieta em relação à do Grupo B quanto ao aporte do cálcio e fósforo, porém sem repercussões sobre seus níveis séricos e urinários. CONCLUSÃO A suplementação do LH com FEPT (PRENAN® A 19%) v/v mostrou-se satisfatória quanto ao ganho pôndero-estatural de recém-nascidos de muito baixo peso e sua mineralização óssea, até ligeiramente superior ao obtido com LH + 5g% do "fortificador" FM85
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.04.2002

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GONÇALVES, Ana Beatriz; GONÇALVES, Arthur L. Efeito de duas dietas a base de leite humano enriquecidas com "complemento especial" ou "fórmula especial para prematuros" sobre o crescimento e o metabolismo ósseo de recém-nascido até 1500g. 2002.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2002.
    • APA

      Gonçalves, A. B., & Gonçalves, A. L. (2002). Efeito de duas dietas a base de leite humano enriquecidas com "complemento especial" ou "fórmula especial para prematuros" sobre o crescimento e o metabolismo ósseo de recém-nascido até 1500g. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Gonçalves AB, Gonçalves AL. Efeito de duas dietas a base de leite humano enriquecidas com "complemento especial" ou "fórmula especial para prematuros" sobre o crescimento e o metabolismo ósseo de recém-nascido até 1500g. 2002 ;
    • Vancouver

      Gonçalves AB, Gonçalves AL. Efeito de duas dietas a base de leite humano enriquecidas com "complemento especial" ou "fórmula especial para prematuros" sobre o crescimento e o metabolismo ósseo de recém-nascido até 1500g. 2002 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021