Exportar registro bibliográfico

Estudo farmacognóstico e farmacológico de Philodendron bipinnatifidum Schott (ARACEAE)" (2002)

  • Authors:
  • Autor USP: VIANNA, WANIA DE OLIVEIRA - FCF
  • Unidade: FCF
  • Sigla do Departamento: FBF
  • Subjects: ARACEAE (ESTUDO;FARMACOLOGIA); DROGA VEGETAL (ESTUDO); FARMACOGNOSIA
  • Language: Português
  • Abstract: Philodendron bipinnatifidum Schott e popularmente conhecida como cipo-imbe, filodendro, anbe, guaimbe, banana-de-macaco, costela-de-Adao, entre outras denominaçoes populares. Apesar de ser reconhecida como planta toxica por muitos, existem relatos de sua utilizaçao em crisipela, inflamaçoes reumaticas, orqlute; as folhas sao aplicadas sobre ulceras. A raiz em po e conhecida como purgativo drastico. Para as analises anatomicas foram utilizadas as partes aereas floridas e as raizes aereas de plantas adultas. A raiz aerea escora apresenta ductos secretores (resiniferos) de origem esquizogena, cilindro vascular lobado, laticiferos entre cordoes de floema de tamanho conspicuo Na lamina foliar, as epidermes em vista frontal apresentam cuticula espessa sem ornamentaçoes, na face adaxial as celulas epidemicas possuem paredes retas com ausencia total de tricomas e estomatos. Na face abaxial as celulas sao de contorno levemente sinuoso e ocorrem estomatos do tipo paracitico. O parenquana esponjoso mostra uma organizaçao colunar das celulas do mesofilo e no meio deste, ocorrem grandes idioblastos contendo rafides. No peciolo, como na nerma central e no caule, existem grandes cavidades de ar alongadas longitudinalmente, delimitadas por uma camada de celulas, entre as quais ocorrem idioblastos contendo rafides que se projetam para o interior das mesmas. A triagem quimica revelou a presença de flavonoides, mucilagens, compostos esteroidais, alcaloides, saponinas(´4,52 POR CENTO´ e ´2,52 POR CENTO´, para orgaos aereos e raizes aereas escoras, respectivamente) e taninos (´5,46 POR CENTO´ e ´21,13 POR CENTO´, para orgaos aereos e raizes aereas escoras, respectivamente). O extrato fluido e a fraçao hidroalcoolica ´50 POR CENTO´ foram ensaiadas através de induçao aguda de ulcera por etanol e ácido clorídrico. Os resultados foram significativos apenas no nível de ulceração III. Foi realizado teste de toxicidade ) aguda com os extratos fluidos liofilizados de orgaos aereos e raizes aereas escoras de P. bipinnalifwum Schott em dose unica de 5000 mg/kg, por via oral em camundongos Swiss, machos e femeas, observados por um periodo de 14 dias. O ensaio de toxicidade subcronica do extrato fluido liofilizado de raizes aereas escoras foi realizado em dose diaria de 800 mg/kg, por via oral, durante 38 dias consecutivos. Os resultados analisados em funçao da variaçao do peso dos animais, do consumo de agua e raçao e do peso relativo do baço, figado, rins e pulmoes, nao foi significativo, ou seja, nas condiçoes experimentais nao houve variaçao em relaçao ao controle. A atividade antiinflamatoria foi avaliada, sendo os modelos utilizados: edema de pata induzido pela carragenina e dermatite induzida pelo oleo de croton, no entanto, nao foram obtidos resultados significativos. Os extratos liofilizados de orgaos aereos e raizes aereas escoras nao apresentaram atividade antimicrobiana
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.06.2002
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VIANNA, Wânia de Oliveira; BACCHI, Elfriede Marianne. Estudo farmacognóstico e farmacológico de Philodendron bipinnatifidum Schott (ARACEAE)". 2002.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9138/tde-30072015-172320/pt-br.php >.
    • APA

      Vianna, W. de O., & Bacchi, E. M. (2002). Estudo farmacognóstico e farmacológico de Philodendron bipinnatifidum Schott (ARACEAE)". Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9138/tde-30072015-172320/pt-br.php
    • NLM

      Vianna W de O, Bacchi EM. Estudo farmacognóstico e farmacológico de Philodendron bipinnatifidum Schott (ARACEAE)" [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9138/tde-30072015-172320/pt-br.php
    • Vancouver

      Vianna W de O, Bacchi EM. Estudo farmacognóstico e farmacológico de Philodendron bipinnatifidum Schott (ARACEAE)" [Internet]. 2002 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9138/tde-30072015-172320/pt-br.php


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021