Exportar registro bibliográfico

Análise quantitativa dos celomócitos das regiões oral e aboral do ouriço do mar "Lytechinus variegatus" (Lamark 1816) (2000)

  • Authors:
  • Autor USP: BORGES, JOÃO CARLOS SHIMADA - ICB
  • Unidade: ICB
  • Sigla do Departamento: BMH
  • Assunto: ECHINOIDEA
  • Language: Português
  • Abstract: região Or e Ab (teste-t: duas amostras em par para médias 'alfa'=0,05), sendo que uma população maior foi encontrada na região Or. Verificamos ainda que esta diferença se manteve, mesmo em animais imobilizados inversamente aos amostrados anteriormente por 24 h ("de cabaça para baixo"), e assim descartamos a ação gravitacional como responsável pela diferença supra citada. Estudos de eletroforese em gel de policrilamida sobre as proteínas dos celomócitos das ) regiões Or e Ab mostraram que existem diferentes perfis protéicos nestas duas regiões. Constatamos ainda, diferença quantitativa (teste-t: duas amostras em par para médias, 'alfa'=0,05) na presença de ferro intracelular de AF, predominante na população da região Or. Os estudos de fagocitose "in vitro" com leveduras (Saccharomyces cerevisae) a partir de amostras das regiões Or e Ab, mostram que os AF orais possuem capacidade fagocítica significantemente maior apenas no prazo de incubação de 30 minutos (teste-t: duas amostras em par para médias, 'alfa'= 0,05). Nos demais prazos (1 e 2 h) e em relação ao índice fagocítico não encontramos diferenças significativas entre as regiões Or e Ab. Tanto a capacidade fagocítica quanto o índice fagocítico aumentaram significativamente em cada região entre os diferentes prazos, com índices maiores com o aumento do prazo de incubação (30 min, 1 e 2 horas). Nosso trabalho mostra pela primeira vez uma diferença quantitativa e em alguns aspectos qualitativos (ferrointra-nuclear e perfil protéico) na população dos amebócitos fagocíticos encontrados na região oral em relação aos amebócitos fagocíticos encontrados na região aboral, contribuindo para explicar a controvérsia encontrada na literatura acerca das quantidades de celomócitos. Hipóteses para explicar esta diferença são discutidas no textoA partir das controvérsias na literatura sobre as variações populacionais dos colemócitos em equinóides da mesma espécie, decidimos estudar os colemócitos do ouriço do mar Lytechinus variegatus. O presente trabalho teve por objetivo principal estudar quantitativamente e qualitativamente a população destas células livres no interior da cavidade celomática nas regiões oral (Or) e aboral (Ab) desta espécie. Os colemócitos foram classificados em quatro tipos celulares: amebócitos fagocíticos (AF), esferulócitos incolores, esferulócitos vermelhos e células vibráteis e posteriormente foram realizados celomogramas das regiões Or e Ab da cavidade celomática por tipo celular. Não encontramos diferenças entre as regiões Or e Ab quanto à salinidade e ao pH do líquido celomático, que pudesse caracterizar uma barreira fisiológica, e tão pouco encontramos barreiras físicas nos estudos radiológicos da cavidade celomática. Os estudos morfométricos assim como os estudos ultra-estruturais dos diferentes celomócitos não mostraram diferenças significativas (teste -t: duas amostras em par para médias, 'alfa'=0,05) nas amostras das regiões Or e Ab da cavidade celomática. Realizamos observações "in vitro" do líquido celomático, onde observamos que os celomócitos se depositavam no menisco e sobre a tensão superficial de gotas pendentes. Nos estudos a partir de amostras do líquido celomático, foi constatada uma diferença numérica significativa somente entre as populações de AF da
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.04.2000

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BORGES, João Carlos Shimada; SILVA, José Roberto Machado Cunha da. Análise quantitativa dos celomócitos das regiões oral e aboral do ouriço do mar "Lytechinus variegatus" (Lamark 1816). 2000.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2000.
    • APA

      Borges, J. C. S., & Silva, J. R. M. C. da. (2000). Análise quantitativa dos celomócitos das regiões oral e aboral do ouriço do mar "Lytechinus variegatus" (Lamark 1816). Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Borges JCS, Silva JRMC da. Análise quantitativa dos celomócitos das regiões oral e aboral do ouriço do mar "Lytechinus variegatus" (Lamark 1816). 2000 ;
    • Vancouver

      Borges JCS, Silva JRMC da. Análise quantitativa dos celomócitos das regiões oral e aboral do ouriço do mar "Lytechinus variegatus" (Lamark 1816). 2000 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021