Exportar registro bibliográfico

Polarização e campo magnético interestelares a altas latitudes galácticas (2017)

  • Autores:
  • Autor USP: FERRARI, TIBÉRIO - IAG
  • Unidade: IAG
  • Sigla do Departamento: AGA
  • Assuntos: CAMPO MAGNÉTICO; POLARIZAÇÃO (ASTRONOMIA)
  • Idioma: Português
  • Resumo: Esse trabalho nasceu da necessidade de projetos cosmológicos como o do satélite Planck, e outros em planejamento, em retirar a influência da nossa própria galáxia na sua análise para obter a Radiação Cósmica de Fundo (RCF). Portanto, necessário estudos para estabelecer um modelo preciso do Campo Magnético e a radiação polarizada da poeira da nossa Galáxia. Os dados tomados no telescópio de 60 cm do Observatório do Pico dos Dias - LNA, na banda V, foi gerado catálogos de dados polarimétricos, assim como seus mapas de vetores de polarização. Os vetores de polarização se alinham bem com as estruturas das nuvens, mostrando que deve haver correspondência entre as estruturas da nuvem e o campo magnético local. Através da análise da polarização em função da distância das estrelas Hiparcos, foi possível estimar um intervalo de distância que compreende cada nuvem. O método utilizado para a determinação de distâncias nesse trabalho forneceu assim resultados consistentes com a literatura. Com o estudo da dispersão dos ângulos de polarização e usando o método de Chandrasekhar- Fermi, modificado por Falceta-Gonçalves et al., foi possível estimar o campo magnético turbulento, δB, e regular projetado no céu, Bcéu das nuvens estudadas. Encontramos valores na ordem de δB~10μG, e o campo magnético regular projetado no céu variando entre os valores Bcéu~0,7μG a Bcéu ~70μG.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.05.2017

  • Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FERRARI, Tibério; MAGALHÃES, Antônio Mario. Polarização e campo magnético interestelares a altas latitudes galácticas. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017.
    • APA

      Ferrari, T., & Magalhães, A. M. (2017). Polarização e campo magnético interestelares a altas latitudes galácticas. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Ferrari T, Magalhães AM. Polarização e campo magnético interestelares a altas latitudes galácticas. 2017 ;
    • Vancouver

      Ferrari T, Magalhães AM. Polarização e campo magnético interestelares a altas latitudes galácticas. 2017 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021