Exportar registro bibliográfico

Relações entre tamanho e potencial fisiológico de sementes de soja sob variações da disponibilidade hídrica (2018)

  • Autores:
  • Autor USP: PINTO, CRISLAINE APARECIDA GOMES - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LPV
  • Assuntos: DEFICIT HÍDRICO; GERMINAÇÃO DE SEMENTES; SEMENTES; SOJA
  • Idioma: Português
  • Resumo: A utilização de sementes com alto potencial fisiológico é de grande importância para a emergência e desenvolvimento inicial das plântulas em campo. O tamanho das sementes é considerado um dos fatores que afetam o potencial fisiológico de sementes de varias espécies, entre elas a soja. Os objetivos do presente trabalho foram avaliar o efeito do tamanho sobre o potencial fisiológico das sementes de soja e verificar até que ponto a disponibilidade hídrica pode influenciar a germinação das sementes de diferentes tamanhos. Foram utilizados dois cultivares de soja (Anta 82 e M7739 IPro), cada um representado por dois lotes com potenciais fisiológicos distintos. As sementes de cada lote foram classificadas em cinco tamanhos, por meio de peneiras de perfurações oblongas com diferença de 0,4 mm na espessura dos crivos. A pesquisa foi executada em duas etapas: a primeira foi conduzida segundo esquema fatorial 2 lotes x 5 tamanhos (M+0,8, M, M-0,8 e ®), tetrazólio (vigor e viabilidade), determinação da espessura do tegumento por microscopia eletrônica, teor de lignina no tegumento das sementes, além de determinações do teor de água, massa de 1000 sementes e caracterização física das sementes quanto geometria pelo equipamento SAS. A segunda etapa foi conduzida de acordo com esquema fatorial 5 tamanhos x 4 potenciais hídricos do substrato (-0,04, -0,10, -0,20 e -0,40 MPa) e os tratamentos foram avaliados pelos teste de germinação sob variações de disponibilidade hídrica, além de determinação da marcha de absorção de água pelas sementes sob cada potencial hídrico. Os resultados obtidos foram submetidos a análise estatística, com o auxílio do software SISVAR. Os resultados indicaram que sementes de soja de tamanhos inferiores, em mais de 0,8 mm ( < M-0,8mm), à média do lote apresentam menor potencial fisiológico. A redução do potencial hídrico do substrato diminui a velocidadede germinação das sementes de soja, independentemente do tamanho, além disso, sob média e baixa disponibilidade hídrica (-0,10, -0,20 e -0,40 MPa) sementes de tamanho superior, em mais de 0,8mm (M+0,8 mm) em relação à média apresentam menor porcentagem e velocidade de germinação, e sementes de tamanho médio menos 0,8 mm (M-0,8 mm) tem sua porcentagem e velocidade de germinação menos afetadas pela redução do potencial hídrico
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 31.01.2018
  • Acesso à fonte
    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PINTO, Crislaine Aparecida Gomes; MARCOS FILHO, Julio. Relações entre tamanho e potencial fisiológico de sementes de soja sob variações da disponibilidade hídrica. 2018.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2018. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-03052018-120737/ >.
    • APA

      Pinto, C. A. G., & Marcos Filho, J. (2018). Relações entre tamanho e potencial fisiológico de sementes de soja sob variações da disponibilidade hídrica. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-03052018-120737/
    • NLM

      Pinto CAG, Marcos Filho J. Relações entre tamanho e potencial fisiológico de sementes de soja sob variações da disponibilidade hídrica [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-03052018-120737/
    • Vancouver

      Pinto CAG, Marcos Filho J. Relações entre tamanho e potencial fisiológico de sementes de soja sob variações da disponibilidade hídrica [Internet]. 2018 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-03052018-120737/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021