Exportar registro bibliográfico

Stravinsky e a música popular americana: processos identitários, transposições hipertextuais e análise musical (2017)

  • Autores:
  • Autor USP: ARAUJO, ALEXY GAIONE VIEGAS DE - ECA
  • Unidade: ECA
  • Sigla do Departamento: CMU
  • Assuntos: MÚSICA; ANÁLISE MUSICAL; TEORIA MUSICAL; MÚSICA POPULAR
  • Palavras-chave do autor: Music analysis; Music theory; Popular music
  • Idioma: Português
  • Resumo: Em observação à existência de obras de Stravinsky influenciadas pela música popular americana (incluindo Ragtime for Eleven Instruments, Preludium for Jazz Ensemble, Tango e Ebony Concerto) esta tese investiga processos identitários através dos quais o compositor fora possivelmente interpelado pela ideia do popular enquanto ponto de partida para situacionais possibilidades estéticas modernistas. Explora também tópicos da teoria hipertextual conforme proposta por Genette (1982), a fim de examinar a presença de transposições hipertextuais em empréstimos de ragtime realizados por Stravinsky. Por fim, realiza revisão de aspectos pertinentes a correntes teóricas no âmbito da relação entre alturas (SCHENKER, 1906, 1910, 1922, 1935; LERDAHL, 2001; STRAUS, 2014), de textura, densidade e movimento musical (BERRY, 1987), da repetição (FERRAZ, 1998) e da sucessão ordenada (HORLACHER, 2011); e da potencialidade projetiva (HASTY, 1997), com o propósito de apurar traços da articulação destas questões em processos composicionais de Stravinsky, com ênfase nas obras acima referidas. Os resultados obtidos por este trabalho apontam que os empréstimos de "popular" articulados por transposições hipertextuais atuam enquanto ponto de partida para criação de obras inéditas, as quais são estruturadas através de múltiplos centros de altura principal, níveis de prolongamento, blocos simultâneos e paralelismos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 07.04.2017
  • Acesso à fonte
    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ARAUJO, Alexy Gaione Viegas de; MOREIRA, Adriana Lopes da Cunha. Stravinsky e a música popular americana: processos identitários, transposições hipertextuais e análise musical. 2017.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2017. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27157/tde-07072017-111514/ >.
    • APA

      Araujo, A. G. V. de, & Moreira, A. L. da C. (2017). Stravinsky e a música popular americana: processos identitários, transposições hipertextuais e análise musical. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27157/tde-07072017-111514/
    • NLM

      Araujo AGV de, Moreira AL da C. Stravinsky e a música popular americana: processos identitários, transposições hipertextuais e análise musical [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27157/tde-07072017-111514/
    • Vancouver

      Araujo AGV de, Moreira AL da C. Stravinsky e a música popular americana: processos identitários, transposições hipertextuais e análise musical [Internet]. 2017 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27157/tde-07072017-111514/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021