Exportar registro bibliográfico

O primeiro cineasta: cinema silencioso na Paraíba : marco zero de uma cinematografia fundada no real: no contexto do cinema brasileiro dos anos 1920 (2015)

  • Autores:
  • Autor USP: VILAR, LUCIO SERGIO DE OLIVEIRA - ECA
  • Unidade: ECA
  • Assuntos: CINEMA; DOCUMENTÁRIO; CINEMA MUDO
  • Palavras-chave do autor: Documentary; Ficcion; Memory; Photography; Silent Cinema
  • Idioma: Português
  • Resumo: Deslocar a tônica dos estudos acerca da cinematografia paraibana dos anos 1960 (via advento do filme Aruanda) para os primórdios do século XX é o ponto de partida deste trabalho que empreendeu imersão em período da história até então não revisitado por pesquisas transformadas em documentos acadêmicos (dissertações, teses). Nessa linha e com esta perspectiva, o trabalho se propõe a responder uma questão central em torno da gênese da formação dessa cinematografia, marcada por uma singularidade deflagrada nos anos 1920: a filiação ao registro e produção de imagens em movimento do real, em contraposição ao gênero ficcional (posado), amplamente experimentado por demais ciclos cinematográficos do país no mesmo período. Revisitar o cinema silencioso paraibano permitiu, pela primeira vez na história, demonstrar ter sido este ciclo o efetivo marco zero da cinematografia local, fundada no código e na narrativa documental através de Walfredo Rodriguez, o primeiro cineasta. Procede-se a um reposicionamento de fatos, filmes e personagens obliterados ao longo de décadas para compreender a complexidade cultural envolvida no processo. O viés documental das imagens silenciosas vai se converter em gênero de expressão hegemônico no âmbito do moderno documentário brasileiro (1960) e ao longo de todo o século passado, com ressonâncias ainda presentes nas práticas audiovisuais paraibanas; a contemporaneidade das primeiras incursões, com ramificações, matrizes e mediações fundadas no campo da cultura nas décadas 1910/1930, fertilizou o campo das práticas audiovisuais, estabelecendo nexos geracionais e seu sentido de permanência na história do cinema brasileiro
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.05.2015
  • Acesso à fonte
    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VILAR, Lucio Sergio de Oliveira; FRANCO, Marilia da Silva. O primeiro cineasta: cinema silencioso na Paraíba : marco zero de uma cinematografia fundada no real: no contexto do cinema brasileiro dos anos 1920. 2015.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27161/tde-13112015-095222/ >.
    • APA

      Vilar, L. S. de O., & Franco, M. da S. (2015). O primeiro cineasta: cinema silencioso na Paraíba : marco zero de uma cinematografia fundada no real: no contexto do cinema brasileiro dos anos 1920. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27161/tde-13112015-095222/
    • NLM

      Vilar LS de O, Franco M da S. O primeiro cineasta: cinema silencioso na Paraíba : marco zero de uma cinematografia fundada no real: no contexto do cinema brasileiro dos anos 1920 [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27161/tde-13112015-095222/
    • Vancouver

      Vilar LS de O, Franco M da S. O primeiro cineasta: cinema silencioso na Paraíba : marco zero de uma cinematografia fundada no real: no contexto do cinema brasileiro dos anos 1920 [Internet]. 2015 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27161/tde-13112015-095222/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021