Exportar registro bibliográfico

Cinética na absorção intestinal de [´ANTIPOT14C´]-glutamina em camundongos saudáveis e submetidos à endotoxemia (2012)

  • Autores:
  • Autor USP: ALVARENGA, MARIANA LINDENBERG - FCF
  • Unidade: FCF
  • Sigla do Departamento: FBA
  • Assuntos: NUTRIÇÃO EXPERIMENTAL; AMINOÁCIDOS (METABOLISMO); SUPLEMENTAÇÃO ALIMENTAR; INTESTINOS; ABSORÇÃO (FISIOLOGIA)
  • Idioma: Português
  • Resumo: Os diversos estudos com a suplementação de glutamina em situações de estresse fisiológico demonstram o essencial papel deste aminoácido no metabolismo. Agudamente, a suplementação com glutamina aumenta a glutaminemia. Cronicamente, verifica-se maior concentração de glutamina em tecidos, tais como o muscular e o hepático. Entretanto, não é conhecido se esses efeitos são decorrentes diretos da suplementação oral com glutamina ou da redução de sua captação a partir da membrana basolateral de enterócitos. O estudo da cinética na absorção de glutamina traz informações relacionadas à proporção da concentração de glutamina absorvida e a retida no tecido intestinal, de acordo com as doses utilizadas, e aponta quais são as alterações decorrentes da sepse induzida pela endotoxemia. O objetivo deste trabalho foi investigar a cinética de absorção de glutamina em camundongos submetidos à endotoxemia, o que não fora previamente investigado em outros trabalhos. Para avaliar a cinética da absorção intestinal de glutamina foi realizada eversão intestinal em camundongos machos, o que permite a coleta dos líquidos das camadas mucosa e serosa com maior precisão. Foram utilizadas doses de 10, 20, 40 e 50 mM de L-glutamina associada a [´ANTIPOT14C´]-glutamina, nos tempos 0, 5, 10, 20, 30, 40, 60, 90 e 120 minutos. Os resultados obtidos demonstraram que em alta concentração de glutamina (50 mM) ocorre maior absorção em relação à retenção tecidual e esta é realizada por transporte ativo de aminoácidos. Osanimais que foram submetidos à endotoxemia por LPS (5mg/kg) apresentaram alterações estruturais no tecido intestinal, detectadas pela histologia. Neste grupo, a retenção tecidual de glutamina foi significativamente maior do que no grupo controle, sobretudo na presença de glicose. Conclui-se que a cinética na absorção de glutamina é dose e tempo dependente em animais saudáveis e que, em condições de endotoxemia, ocorre maior retenção de glutamina no tecido intestinal na presença de glicose. Sugere-se que a via da hexosamina está envolvida; no entanto, mais estudos são necessários para esclarecer tais mecanismos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.03.2012
  • Acesso à fonte
    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALVARENGA, Mariana Lindenberg; TIRAPEGUI, Julio. Cinética na absorção intestinal de [´ANTIPOT14C´]-glutamina em camundongos saudáveis e submetidos à endotoxemia. 2012.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-02092013-110000/ >.
    • APA

      Alvarenga, M. L., & Tirapegui, J. (2012). Cinética na absorção intestinal de [´ANTIPOT14C´]-glutamina em camundongos saudáveis e submetidos à endotoxemia. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-02092013-110000/
    • NLM

      Alvarenga ML, Tirapegui J. Cinética na absorção intestinal de [´ANTIPOT14C´]-glutamina em camundongos saudáveis e submetidos à endotoxemia [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-02092013-110000/
    • Vancouver

      Alvarenga ML, Tirapegui J. Cinética na absorção intestinal de [´ANTIPOT14C´]-glutamina em camundongos saudáveis e submetidos à endotoxemia [Internet]. 2012 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9132/tde-02092013-110000/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021