Exportar registro bibliográfico

O mar que me navega: sintonias filosóficas em Paulinho da Viola (2011)

  • Autores:
  • Autor USP: PEREIRA JUNIOR, LUIZ COSTA - FE
  • Unidade: FE
  • Sigla do Departamento: EDF
  • Assuntos: FILOSOFIA DA EDUCAÇÃO; MÚSICA (EDUCAÇÃO;FILOSOFIA)
  • Idioma: Português
  • Resumo: Este trabalho interpreta, à luz da filosofia, temas recorrentes na obra musical de Paulinho da Viola. Detentor de um vasto repertório de referência, o compositor e intérprete expressa em seus sambas uma abordagem sobre o mundo que se vincula a correntes de pensamento tão distintas como as de Epicuro, Heráclito, Benedictus de Spinoza, Tomás de Aquino, Henri Bergson, Josef Pieper e Richard Rorty, dentre outros. Perguntar pelo ser (o que é isto, em suas últimas razões) a partir da efêmera paisagem cotidiana estaria no cerne daquilo que é cantado por ele. A hipótese deste trabalho é que a canção em Paulinho da Viola (de sua autoria e de adoção, ao interpretar composições alheias) se filia a um desconforto sem ilusões e à sensação de espanto ante o mistério das coisas, a que apresenta como resposta a potência de sua serenidade. Assim, o trabalho procura mostrar não só que as composições executadas por ele podem ilustrar questões recorrentes na filosofia, como evidenciar que o ângulo de abordagem das canções de seu repertório só serão plenamente compreendidas à luz de certos debates ou conceitos. O estudo sugere que uma obra cultural pode ser usada como ferramenta do processo educativo. Além de possibilitar uma melhor compreensão de nossa realidade cultural, em nível de educação informal, o estudo e o ensino da filosofia podem ter em Paulinho da Viola o trunfo de uma atuação musical que é filosófica em seus problemas sem o ser na abordagem. Há um pensamento composicional em jogo,que não é mera aplicação de procedimentos especulativos sistêmicos e, mesmo assim, evita que o paralelo entre MPB e filosofia se torne artificial: a racionalidade de sua música contém uma musicalidade do pensamento, a recorrência de motivos que atormentam o gênero humano e, como a mera incidência no repertório de um cantor popular deveria indicar, não há sinal de que serão apaziguados tão cedo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 04.07.2011
  • Acesso à fonte
    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PEREIRA JUNIOR, Luiz Costa; LAUAND, Luiz Jean. O mar que me navega: sintonias filosóficas em Paulinho da Viola. 2011.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-21072011-131554/ >.
    • APA

      Pereira Junior, L. C., & Lauand, L. J. (2011). O mar que me navega: sintonias filosóficas em Paulinho da Viola. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-21072011-131554/
    • NLM

      Pereira Junior LC, Lauand LJ. O mar que me navega: sintonias filosóficas em Paulinho da Viola [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-21072011-131554/
    • Vancouver

      Pereira Junior LC, Lauand LJ. O mar que me navega: sintonias filosóficas em Paulinho da Viola [Internet]. 2011 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-21072011-131554/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021