Exportar registro bibliográfico

Correlação entre ‘SvO IND. 2’ e ‘SjO IND. 2’ durante cirurgia cardíaca pediátrica, com circulação extracorpórea em pacientes anestesiados com fentanil-midazolam (2011)

  • Autores:
  • Autor USP: NABARRO, PÂMELA REGINA TEIXEIRA - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RAL
  • Assuntos: CIRURGIA PEDIÁTRICA; CIRURGIA TORÁCICA; ANALGESIA; ANESTESIOLOGIA
  • Idioma: Português
  • Resumo: INTRODUÇÃO: A saturação de oxigênio da veia jugular interna (‘SjO IND. 2’) é uma medida objetiva da entrega de oxigénio ao cérebro, qualidade de neuroproteção, detecção de isquemia (‘SjO IND. 2’ < 50%), e uma administração adequada de cuidados aos pacientes (1). A baixa correlação entre ‘SjO IND. 2’ e a saturação venosa mista de oxigênio (‘SvO IND. 2’) tem sido mostrada em crianças (2), de modo que a ‘SjO IND. 2’ é necessária para avaliar a oxigenação cerebral. Amostras intermitentes de sangue da veia jugular podem fornecer informações úteis para um adequado manejo do paciente. Particularmente, quando o NIRS ou cooximetria jugular não estão disponíveis. Este estudo retrospectivo compara a ‘SjO IND. 2’ e ‘SvO IND. 2’ em alguns dos momentos críticos da cirurgia cardíaca pediátrica. MATERIAIS E METODOS: doze pacientes pediátricos com idade de 3 a 120 meses submetidos a cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea e anestesiados com fentanil (20 ‘mü’g.kg-1 seguido de 5 , ‘mü’g.kg-1.h-1) e midazolam (0,2 mg.kg-1 seguido de 0,1 mg.kg-l.h-1) e complementadas com isoflurane, que receberam através de um cateter central 5F posicionado na jugular interna direita e um cateter intravenoso de 22 ou 20 G posicionado na jugular interna esquerda até o anel cricóide e retrógrada avançada. Amostras de sangue de 1 mL foram retiradas simultaneamente de 2 cateteres venosos e um arterial a cada 10 minutos e, quando considerado necessário, os dados da ‘SjO IND. 2’, ‘SvO IND. 2’ e ‘são IND. 2’ (saturação de oxigênio arterial) foram registrados seguindo determinados períodos: após inserção dos cateteres arterial e venoso (CAN), antes do início da CEC (ACEC), após 0 resfriamento completo (TM), após 0 reaquecimento (REAQ), e após a administração da protamina (PROTA). A análise do sangue foi realizada seguindo alpha-stat strategy. O suporte vasoativo apóso desmame da CEC foi por milrinone (50 ‘mü’g.kg-1 seguido por 0,5 ‘mü’g.kg-l.min-l) e epinefrina (0,04 - 0,1 ‘mü’g.kg-l.min-l). *Diferenças estatisticamente significativas, p < 0,05. RESULTADOS: Análises de regressão dos dados reunidos não mostraram correlação entre ‘SjO IND. 2’ e ‘SvO IND. 2’ (‘r POT. 2’ = 0,14, slope = 0,3), mas uma baixa correlação foi observada após administração da protamina (‘r POT. 2’ = 0,46 slope = 1). As médias foram similares em todos os períodos, com exceção do momento PROTA, quando ‘SvO IND. 2’ (87,8 ± 8,5 %) foi significativamente maior que a ‘SjO IND. 2’ (68,2 ± 13,9 %) (Mar~n-Whitney test). ‘SjO IND. 2’ < 50% foi detectada em quatro pacientes comparando com l valor de ‘SvO IND. 2’encontrado após o reaquecimento. Após o desmame da CEC, apenas uma amostra com ‘SjO IND. 2’ < 50 % foi observada. Níveis de glicose aumentaram significativamente de 82,4 ± 24 (IN) para 209 ± 34 mg.dl-1 (PROTA) no sangue da veia central e valores similares foram encontrados no sangue da veia jugular, mas a diferença artério-jugular foi maior que a diferença artério-venosa em todos os períodos. O lactato da veia jugular e da veia central aumentaram similarmente, de 1,7 ± 1,0 (IN) para 3,6 mmol.L-1 (PROTA) no sangue da veia central. DISCUSSÃO: ‘SvO IND. 2’ pode não predizer a SjO^2, e a maior diferença entre ‘SjO IND. 2’ e ‘SvO IND. 2’ pode ocorrer após o reaquecimento e após o desmame da CEC
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 07.02.2011

  • Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NABARRO, Pamela Regina Texeira; LAURETTI, Gabriela Rocha. Correlação entre ‘SvO IND. 2’ e ‘SjO IND. 2’ durante cirurgia cardíaca pediátrica, com circulação extracorpórea em pacientes anestesiados com fentanil-midazolam. 2011.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2011.
    • APA

      Nabarro, P. R. T., & Lauretti, G. R. (2011). Correlação entre ‘SvO IND. 2’ e ‘SjO IND. 2’ durante cirurgia cardíaca pediátrica, com circulação extracorpórea em pacientes anestesiados com fentanil-midazolam. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Nabarro PRT, Lauretti GR. Correlação entre ‘SvO IND. 2’ e ‘SjO IND. 2’ durante cirurgia cardíaca pediátrica, com circulação extracorpórea em pacientes anestesiados com fentanil-midazolam. 2011 ;
    • Vancouver

      Nabarro PRT, Lauretti GR. Correlação entre ‘SvO IND. 2’ e ‘SjO IND. 2’ durante cirurgia cardíaca pediátrica, com circulação extracorpórea em pacientes anestesiados com fentanil-midazolam. 2011 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021