Exportar registro bibliográfico

Decantação acelerada: alternativa para o tratamento de vazão excedente de esgoto - estudo na ETE Martim de Sá (Caraguatatuba/SP) (2010)

  • Autores:
  • Autor USP: GOMES, FERNANDA CAVALCANTE - EP
  • Unidade: EP
  • Sigla do Departamento: PHD
  • Assuntos: TRATAMENTO DE ESGOTOS SANITÁRIOS; LODO ATIVADO; DECANTADORES
  • Idioma: Português
  • Resumo: Este estudo foi motivado pela necessidade de se tratar o excesso de vazão afluente às estações de tratamento de esgoto, que ocorre em dias de chuvas intensas. A hipótese central deste estudo é a de que a adoção de processo físico-químico para o tratamento de esgoto excedente diluído, pode ser vantajosa em relação ao aumento da capacidade com a ampliação dos sistemas exclusivamente biológicos. A pesquisa foi desenvolvida na ETE Martim de Sá da SABESP, localizada em Caraguatatuba/SP, onde o esgoto é tratado por lodos ativados em bateladas sequenciais. Estudou-se a variação da vazão de esgoto afluente na época de chuvas, bem como o funcionamento das bateladas. Além disso, foi avaliado o emprego da coagulação, floculação e sedimentação em decantador laminar para tratar o excesso de vazão com aplicação de sulfato de alumínio, cloreto férrico e polímero catiônico em uma estação piloto, após a realização de ensaios em escala de bancada em aparelho de Jar Test. O monitoramento da vazão afluente mostrou que em dias de chuvas e com ocorrência de desvios, a vazão máxima foi 220 L/s, ou seja, até 6 vezes maior que a vazão de tempo seco. Para esta situação, o processo físico-químico pode tornar-se uma alternativa promissora, devido à sua capacidade de trabalho sob altas vazões em instalações de menor porte. Nos ensaios para se avaliar o tratamento físico-químico utilizou-se esgoto bruto pertencente a duas faixas de DBO: 50 e 100 mg/L e taxa de aplicação superficial utilizada no decantador foi 76,82 m³ / m² * dia. A melhor dosagem de produto químico utilizada para tratar o esgoto bruto da faixa de DBO igual a 50 mg/L foi 40mg/L de cloreto férrico mais 0,5mg/L de polímero catiônico resultando em efluentes com DBO média de 26mg/L.Para o esgoto bruto da faixa de DBO igual a 100 mg/L a melhor dosagem foi a de 60mg/L de cloreto férrico, com DBO média dos efluentes igual a 44mg/L. Para esta faixa de trabalho é recomendável prever a aplicação de polímero. Por esta pesquisa concluiu-se que é possível atender aos limites legais de qualidade do esgoto tratado com o emprego do tratamento físico-químico, além disso produziu elementos importantes para subsidiar a avaliação econômica para a implantação desta tecnologia em paralelo ao sistema de lodo ativado nas situações de sobrecarga hidráulica.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.04.2010
  • Acesso à fonte
    Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GOMES, Fernanda Cavalcante; PIVELI, Roque Passos. Decantação acelerada: alternativa para o tratamento de vazão excedente de esgoto - estudo na ETE Martim de Sá (Caraguatatuba/SP). 2010.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3147/tde-17082010-101003/ >.
    • APA

      Gomes, F. C., & Piveli, R. P. (2010). Decantação acelerada: alternativa para o tratamento de vazão excedente de esgoto - estudo na ETE Martim de Sá (Caraguatatuba/SP). Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3147/tde-17082010-101003/
    • NLM

      Gomes FC, Piveli RP. Decantação acelerada: alternativa para o tratamento de vazão excedente de esgoto - estudo na ETE Martim de Sá (Caraguatatuba/SP) [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3147/tde-17082010-101003/
    • Vancouver

      Gomes FC, Piveli RP. Decantação acelerada: alternativa para o tratamento de vazão excedente de esgoto - estudo na ETE Martim de Sá (Caraguatatuba/SP) [Internet]. 2010 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3147/tde-17082010-101003/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021