Exportar registro bibliográfico

Efeitos de bandas de freqüência espacial alta e baixa no reconhecimento de faces em campo visual lateralizado (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: RODRIGUEZ, LINA MARIA PERILLA - FFCLRP
  • Unidade: FFCLRP
  • Sigla do Departamento: 594
  • Subjects: DROSOPHILIDAE; ZOOLOGIA (CLASSIFICAÇÃO); ECOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: O presente trabalho teve por objetivo pesquisar os efeitos que as bandas de freqüência espacial alta e baixa têm no reconhecimento de faces em campo visual lateralizado. Foram distribuídos aleatoriamente 40 participantes em dois grupos. Os voluntários observaram 14 fotos de faces sem filtragem até memorizá-las. A seguir foram apresentadas 56 fotos de faces com filtragens de freqüências espaciais, intercaladas aleatoriamente com apresentações de face não mostradas anteriormente. Cada uma delas foi exibida na tela durante 300 ms mediate metodologia de apresentação dicótica. O participante devia responder se a face mostrada pertencia ao grupo de fotos inicialmente observado. As freqüências de respostas permitiram calcular as curvas ROC (Receiver Operating Characteristic) e os parâmetros Az e 'd IND. a' preconizado pela Teoria de Detecção de Sinal (MACMILLAN; CREELMAN, 2005) para as faces naturais, faces compostas de freqüências espaciais baixas e faces compostas de freqüências espaciais altas apresentadas no Hemicampo Visual Direito e no Hemicampo Visual Esquerdo. Os resultados obtidos mostram que as faces Originais foram melhor reconhecidas do que as faces com Freqüências Espaciais Altas (FEA) ou Freqüências Espaciais Baixas (FEB). Ao contrário do reportado na literatura, o Hemisfério Esquerdo (HE) teve uma tendência a reconhecer mais eficazmente as faces do que o Hemisfério Direito (HD), independente da condição de filtragem. O HD é igualmente competente do que oHE para processar FEB, mas pior do que o HE para processar FEA. Quanto à performance por gênero, tanto homens quanto mulheres tiveram um desempenho similar quando as faces foram processadas com o HD. O desempenho das mulheres ficou de acordo com a hipótese da FE, pois o reconhecimento fizeram para as faces com FEA foi melhor do que para as que tinham predomínio de FEB. Os homens, mesmo com o HE, fizeram um reconhecimento melhor das faces com predomíno ) de FEB do que das faces com FEA
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 04.03.2008

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      RODRIGUEZ, Lina María Perilla; FUKUSIMA, Sérgio Sheiji. Efeitos de bandas de freqüência espacial alta e baixa no reconhecimento de faces em campo visual lateralizado. 2008.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2008.
    • APA

      Rodriguez, L. M. P., & Fukusima, S. S. (2008). Efeitos de bandas de freqüência espacial alta e baixa no reconhecimento de faces em campo visual lateralizado. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Rodriguez LMP, Fukusima SS. Efeitos de bandas de freqüência espacial alta e baixa no reconhecimento de faces em campo visual lateralizado. 2008 ;
    • Vancouver

      Rodriguez LMP, Fukusima SS. Efeitos de bandas de freqüência espacial alta e baixa no reconhecimento de faces em campo visual lateralizado. 2008 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020