Exportar registro bibliográfico

Desenvolvimento da cifose torácica e lordose lombar em crianças e adolescentes normais (2007)

  • Autores:
  • Autor USP: GIGLIO, CARLOS ALBERTO - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RAL
  • Assuntos: COLUNA VERTEBRAL; REGIÕES DO CORPO; POSTURA; DOENÇAS DA COLUNA VERTEBRAL
  • Idioma: Português
  • Resumo: Vários parâmetros morfológicos variam com o crescimento do indivíduo, o que toma importante estabelecer faixas de normalidade de acordo com a idade. Tal fato acontece também com as curvaturas da coluna torácica e lombar, que influenciam significativamente a postura. Entretanto, as variações fisiológicas das curvaturas da coluna, no plano sagital, ao longo do crescimento do indivíduo não estão bem caracterizadas, o que dificulta a diferenciação entre situações normais e patológicas. Assim, o objetivo desta pesquisa foi estudar uma população normal de sujeitos em desenvolvimento e estabelecer os limites fisiológicos para a cifose torácica e lordose lombar, para as diferentes faixas etárias. Inicialmente, foi desenvolvido um pantógrafo, com o objetivo de, de forma confiável, estabelecer o perfil e medir as curvas aparentes torácicas e lombares. O aparelho constou fundamentalmente de um suporte vertical ao qual foi acoplado um braço móvel que realiza movimentos de avanço e recuo, de acordo com a superfície de apoio. Este braço é acionado por um motor e percorreu o trajeto dos processos espinhosos de ‘C IND. 7’ a ‘L IND. 5’. O movimento é enviado a um potenciômetro que alimenta um programa de computador, o que resulta no desenho do traçado da superfície dorsal da coluna. Assim, são medidos os ângulos cifótico e lordótico aparentes. A população em estudo foi constituída de 718 indivíduos hígidos, de ambos os gêneros, sem antecedentes de alterações posturais e dacoluna, com peso e estatura dentro da faixa normal, sem frouxidão ligamentar, e na faixa etária compreendida entre cinco e vinte anos. Todos tiveram suas curvaturas dorsal e lombar examinadas e medidas pelo pantógrafo. Os dados foram analisados estatisticamente e obtidas as tendências e significâncias de cada curva para cada faixa etária. Os resultados mostraram que a cifose torácica apresentou tendência para aumentar na faixa etária estudada, sendo que o melhor modelo que caracteriza a variação é o de regressão linear com a expressão: ângulo de cifose = 25,14 + 0,58 .idade. A lordose também apresentou tendência linear para aumento com a idade e com a expressão: lordose = 24,22 + 0,51 .idade. Não foi encontrada diferença significativa entre os gêneros. O pantógrafo mostrou ser um instrumento sensível e prático
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 01.03.2007

  • Como citar
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GIGLIO, Carlos Alberto; VOLPON, José Batista. Desenvolvimento da cifose torácica e lordose lombar em crianças e adolescentes normais. 2007.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2007.
    • APA

      Giglio, C. A., & Volpon, J. B. (2007). Desenvolvimento da cifose torácica e lordose lombar em crianças e adolescentes normais. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Giglio CA, Volpon JB. Desenvolvimento da cifose torácica e lordose lombar em crianças e adolescentes normais. 2007 ;
    • Vancouver

      Giglio CA, Volpon JB. Desenvolvimento da cifose torácica e lordose lombar em crianças e adolescentes normais. 2007 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Biblioteca Digital de Produção Intelectual da Universidade de São Paulo     2012 - 2021